CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Economia

Mendonção, quem diria, virou importador da China

Ex-presidente do BNDES, economista Luiz Carlos Mendona de Barros vai trazer caminhes para explorar mercado brasileiro

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Brasil 247 _ O nacional-desenvolvimentista Luiz Carlos Mendonça de Barros, quem diria, rendeu-se aos negócios da China. Ex-presidente do BNDES e ex-ministro das Comunicações, Mendonção, como é chamado, tornou-se presidente no Brasil da Foton Aumark, uma fábrica de caminhões chineses. A intenção é vender, já este ano, cerca de 6 mil caminhões importados leves e semileves, em seis lojas da marca. Para os dois próximos anos, os planos são os de abrir mais 20 lojas e trazer caminhões mais pesados. A nova empresa será lançada em outubro, no Salão Internacional do Transporte, em São Paulo.

A Foton é a maior fábrica de caminhões da China. Os preços dos primeiros caminhões a serem importados – com peso entre 3 toneladas e 9 toneladas, feitos para rodarem dentro de centros urbanos -- não foram divulgados. A julgar, porém, pelos preços praticados sobre outros produtos que entram no Brasil vindo do país oriental, eles deverão ser um dos grandes atrativos da marca. “Vamos concorrer com pesos-pesados como Mercedes, Hiundai e Man, por isso temos de nos resguardar”, diz Mendonção. Ele garante que a abertura de uma fábrica da Foton no Brasil está em seus planos. Ah, bom!

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO