Mercadante: “Paulo Guedes está perdido e sem resposta para a crise”

“Me lembro da manchete do Paulo Guedes dizendo assim: ‘se eu fizer muita bobagem o dólar vai a 5 reais’. E foi a mais de cinco”, disse o ex-ministro em entrevista à TV 247. Assista

www.brasil247.com - Aloizio Mercadante e Paulo Guedes
Aloizio Mercadante e Paulo Guedes


247 - O ex-ministro Aloizio Mercadante afirmou à TV 247 que o ministro da Economia, Paulo Guedes, está “perdido” e “sem resposta” para a crise financeira que se encontra o Brasil, assim como diversos outros países.

Segundo Mercadante, “o impacto da pandemia desorganizou os setores produtivos de toda a economia global, com fortes repercussões no Brasil porque nós vivemos uma desindustrialização e o País tem uma dependência muito grande de importações de insumos industriais. Faltam matérias-primas importantes de vários setores da economia”.

Diante da crise global, o Brasil sofre ainda mais porque viu sua moeda se desvalorizar de forma acentuada, de acordo com o ex-ministro. Mercadante ainda recordou uma fala de Guedes na qual afirmava que seria necessário fazer ‘muita besteira’ para que o dólar chegasse a cotação de 5 reais. No momento do fechamento desta reportagem, a cotação do dólar é de R$ 5,34. “O segundo problema fundamental dessa pressão inflacionária é que houve uma mudança de preços relativos, principalmente com a desvalorização do real. Me lembro da manchete do Paulo Guedes dizendo assim: ‘se eu fizer muita bobagem o dólar vai a 5 reais’. E foi a mais de cinco. Eles fizeram muita bobagem. O real foi a moeda que mais se desvalorizou no mundo e o Brasil o País que mais perdeu investimento direto no mundo nesse período”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para Mercadante, Guedes “não tem a menor consistência, e essa obsessão neoliberal de ortodoxia fiscal é uma tragédia para o Brasil. Ele está completamente perdido, não tem resposta para essa crise”, disse.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Inscreva-se na TV 247, seja membro e compartilhe:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email