MPT abre inquéritos para verificar se Ford cumpriu acordos ao demitir trabalhadores

Segundo o Ministério Público do Trabalho, os inquéritos também vão acompanhar se todos os direitos dos trabalhadores estão sendo atendidos

(Foto: AMANDA PEROBELLI/REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Ministério Público do Trabalho (MPT) abriu inquéritos nos três estados sedes da Ford (São Paulo, Bahia e Ceará) para verificar se a demissão de milhares de funcionários pela empresa está sendo cumprida dentro dos acordos estabelecidos. A montadora norte-americana anunciou na segunda-feira, 11, o fim da produção no país.

Segundo o MPT, os inquéritos também vão acompanhar se todos os direitos dos trabalhadores estão sendo atendidos. Os procuradores se reuniram com representantes da empresa nesta quinta-feira, 14, para coletar dados sobre a saída das operações da empresa do Brasil.

O MPT também criou um Grupo Especial de Atuação Finalística (Geaf) para coordenar a atuação do órgão de forma a “mitigar os efeitos" do fim das atividades e para o qual a Ford deverá encaminhar os dados que serão requisitados.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email