Mulher compra US$ 504 mil e presidente do BC suíço renuncia

Philipp Hildebrand disse no querer comprometer credibilidade da instituio diante da suspeita de informao privilegiada antes de desvalorizao do franco

Mulher compra US$ 504 mil e presidente do BC suíço renuncia
Mulher compra US$ 504 mil e presidente do BC suíço renuncia (Foto: PASCAL LAUENER/REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Lá é assim. No início da tarde desta segunda-feira 9, o presidente do Banco Nacional da Suiça – equivalente ao BC brasileiro --, Philipp Hildebrand, anunciou sua renúncia do cargo “com efeito imediato”. Ele foi abatido por pressões da opinião pública, que não aceitou o fato de sua mulher, Kashya, ter comprado US$ 504 mil, com francos suiços, no dia 15 de agosto do ano passado, três semanas antes de Hildebrand ordenar a desvalorização da moeda nacional. Ficou no ar a suspeita de que ela se aproveitou de informação privilegiada.

“Cheguei à conclusão de que nunca poderei dar a prova definitiva de que a transação duvidosa foi ordenada por minha esposta (e não por mim)”, justificou ele sobre a renúncia ao posto de banqueiro número 1 da Suíça. “Só posso dar a minha palavra de honra”.

A compra dos dólares só foi revelada após documentos do banco Sarasin, da Basiléia, terem sido roubados e entregues ao líder político de extrema direita Christoph Blocher. Ele, por sua vez, mandou as provas da transação para a presidente do país. Na semana passada, Hildebrand anunciou que estava decidido a permanecer no cargo, mas as pressões aumentaram e ele resolveu não resistir mais, sob alegação de que estaria colocando em risco a credibilidade da instituição.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email