Natura abandona Marina e diz que ela se acomodou

Empresa que esteve por trás do projeto Marina Silva em 2014, a Natura praticamente rifou a ex-senadora; "Infelizmente Marina perdeu espaço. Ela é um recurso ético e moral do país, mas depois da eleição se acomodou e perdeu visibilidade e liderança", disse Pedro Passos, um dos sócios da empresa, em entrevista publicada neste domingo; "não sei se é possível ela voltar a ter voz ativa", disse ainda o empresário, que também criticou o estilo João Doria; "Não vamos fazer política com os antipolíticos, mas com os bons políticos. Tenho impressão de que essa mensagem de não sou político, mas gestor, é mais comunicação do que essência"

Empresa que esteve por trás do projeto Marina Silva em 2014, a Natura praticamente rifou a ex-senadora; "Infelizmente Marina perdeu espaço. Ela é um recurso ético e moral do país, mas depois da eleição se acomodou e perdeu visibilidade e liderança", disse Pedro Passos, um dos sócios da empresa, em entrevista publicada neste domingo; "não sei se é possível ela voltar a ter voz ativa", disse ainda o empresário, que também criticou o estilo João Doria; "Não vamos fazer política com os antipolíticos, mas com os bons políticos. Tenho impressão de que essa mensagem de não sou político, mas gestor, é mais comunicação do que essência"
Empresa que esteve por trás do projeto Marina Silva em 2014, a Natura praticamente rifou a ex-senadora; "Infelizmente Marina perdeu espaço. Ela é um recurso ético e moral do país, mas depois da eleição se acomodou e perdeu visibilidade e liderança", disse Pedro Passos, um dos sócios da empresa, em entrevista publicada neste domingo; "não sei se é possível ela voltar a ter voz ativa", disse ainda o empresário, que também criticou o estilo João Doria; "Não vamos fazer política com os antipolíticos, mas com os bons políticos. Tenho impressão de que essa mensagem de não sou político, mas gestor, é mais comunicação do que essência" (Foto: Leonardo Attuch)

247 – O empresário Pedro Passos, um dos sócios da Natura, disse, em entrevista publicada neste domingo, que a ex-senadora Marina Silva se acomodou e dificilmente voltará a ter voz ativa na cena política nacional.

"Infelizmente Marina perdeu espaço. Ela é um recurso ético e moral do país, mas depois da eleição se acomodou e perdeu visibilidade e liderança. Sem necessariamente concordar com suas ideias, acho que ela poderia estar ajudando nessa discussão que vivemos hoje. Mas não sei se é possível ela voltar a ter voz ativa", disse ele (leia aqui sua entrevista).

A entrevista é importante porque a Natura foi um dos principais pilares do projeto Marina, em 2014.

Na entrevista deste domingo, o empresário também mostrou desconforto com o estilo do prefeito de São Paulo, João Doria. "Não vamos fazer política com os antipolíticos, mas com os bons políticos. Tenho impressão de que essa mensagem de não sou político, mas gestor, é mais comunicação do que essência. Precisamos de gente que entenda o que é a democracia, um partido político, o funcionamento dos três Poderes. E isso é a vivência que dá. Temos que tomar cuidado com gestores ou xerifes", afirmou.

 


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247