Coronavírus deixou clara a importância da Caixa e dos bancos públicos, diz presidente da Fenae

Jair Ferreira disse à TV 247 que a pandemia de coronavírus tornou claro que as empresas públicas são muito importantes em momentos de crise e que não é possível se desfazer da Caixa. “O Estado é muito importante nessas horas. O mercado é bom para quem tem dinheiro”, falou. Assista

Jair Ferreira (Fenae) / Caixa Econômica Federal
Jair Ferreira (Fenae) / Caixa Econômica Federal (Foto: Reprodução / Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Jair Ferreira, conversou com a TV 247 sobre a importância da Caixa e demais empresas públicas durante o atual momento de pandemia e crise financeira.

Ferreira pontuou que, agora, o papel das estatais está muito claro, e que todos percebem sua importância. “Acho que o papel da Caixa ficou muito evidente, aquela antiga tese nossa de que a empresa é importante para a sociedade brasileira, que as empresas públicas são importantíssimas para a sociedade brasileira, a exemplo da Petrobras. O papel evidente do Estado, ou seja, nós, brasileiros e brasileiras temos que ter claro isso: o Estado é muito importante nessas horas. O mercado é bom para quem tem dinheiro”.

Para ele, as discussões de privatização da Caixa, que vinham sendo ensaiadas desde o governo Michel Temer até a gestão de Jair Bolsonaro, estão encerradas. “Acho que esse discurso de venda das coisas enterrou de vez, a população tem que entender que essas pessoas que ficaram pregando para vender isso ou aquilo acabaram de ver que isso é uma furada. Se você tivesse feito o que o governo Temer e agora o governo Bolsonaro queriam fazer com a Caixa, vender isso e aquilo, como que você ia abrir mão de uma empresa que está presente praticamente em todos os municípios que nós temos no Brasil em um momento em que você precisa mobilizar a população?”.

“Ela é uma empresa do Estado brasileiro, do cidadão brasileiro, da cidadã que paga imposto nesse País. A Caixa é uma empresa 100% pública”, reforçou.

Inscreva-se na TV 247 e assista à entrevista na íntegra:

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247