Oxfam: três maiores supermercados do País, Carrefour, Pão de Açúcar e BIG descumprem requisitos de responsabilidade corporativa

Carrefour, Grupo BIG e Grupo Pão de Açúcar obtiveram baixas pontuações em avaliação de quatro temas do novo relatório da Oxfam Brasil, “Por trás das Suas Compras”: transparência, trabalhadores rurais, pequenos produtores e direitos das mulheres

(Foto: Reuters | Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Os três maiores supermercados brasileiros - Carrefour, Pão de Açúcar e BIG - descumprem práticas de responsabilidade corporativa, sustentabilidade e cumprimento de compromissos com os direitos humanos em suas cadeias produtivas. Foi o que apontou o novo relatório da Oxfam Brasil "Por Trás das Suas Compras – uma análise da responsabilidade corporativa com o respeito aos direitos humanos nas cadeias produtivas dos maiores supermercados brasileiros", lançado na próxima quarta-feira (13). Os resultados foram tabelados em um sistema de pontuação (‘scorecard’) e mostram que os maiores varejistas brasileiros, que controlam juntos 46,6% do setor no País.

O relatório analisou as informações públicas dos três maiores supermercados brasileiros sobre suas políticas e práticas entre julho e setembro de 2020 em quatro temas relacionados ao início de suas cadeias de produção, o campo, onde se planta e colhe os alimentos - transparência e accountability; trabalhadores e trabalhadoras no campo; pequenos agricultores e agricultura familiar e direitos das mulheres.

De acordo com a Oxfam Brasil, juntos, Carrefour, Big e Pão de Açúcar alcançaram média de 4% numa escala em que uma empresa totalmente responsável com direitos humanos nas cadeias de fornecimento ganharia 100%. O supermercado brasileiro com o melhor desempenho, comparativamente entre os três, foi o Pão de Açúcar, com 6,5%, seguido pelo Carrefour com 2,7% e pelo Grupo Big com 2,2%. Quando colocados frente aos maiores supermercados europeus e americanos, em uma lista de 19 empresas (incluindo as três brasileiras), o Grupo Pão de Açúcar fica empatado em décimo quarto com o Albertsons dos Estados Unidos, enquanto Carrefour e Grupo Big ficam na lanterna.

Segundo Gustavo Ferroni, coordenador da área de Setor Privado, Desigualdades e Direitos Humanos da Oxfam Brasil, "a comparação dos maiores supermercados brasileiros com seus pares no mundo mostra que eles precisam fazer mais. Ainda estão muito distantes das melhores práticas sobre responsabilidade com direitos humanos nas cadeias de fornecimento".

"A boa notícia é que os três maiores supermercados brasileiros têm os recursos, além de capacidades e condições para estar entre os mais avançados. Só falta a decisão empresarial de fazer", considera.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247