Para aprovar reforma, Maia apela a apoio de prefeitos

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, fez um apelo a prefeitos para aprovar a reforma da Previdência e disse que a aprovação de mudanças no sistema previdenciário pelo Congresso será um "marco histórico"; segundo ele, o Brasil possui uma estrutura cara do governo federal, do Congresso e do Judiciário, e que só no governo federal o aumento líquido de gastos da Previdência é de R$ 50 bilhões; "Nós não temos esses recursos", disse

Para aprovar reforma, Maia apela a apoio de prefeitos
Para aprovar reforma, Maia apela a apoio de prefeitos (Foto: REUTERS/Adriano Machado)

Reuters - O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), fez um apelo a prefeitos nesta terça-feira para aprovar a reforma da Previdência e disse que a aprovação de mudanças no sistema previdenciário pelo Congresso será um "marco histórico".

Em discurso de abertura na Marcha em Defesa dos Municípios, em Brasília, o presidente da Câmara ressaltou que o Brasil possui uma estrutura cara do governo federal, do Congresso e do Judiciário, e lembrou que só no governo federal o aumento líquido de gastos da Previdência é de 50 bilhões de reais.

"Nós não temos esses recursos", disse.

Também em discurso no fórum de prefeitos, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse que a PEC do Orçamento Impositivo será promulgada em breve depois que for aprovada pela Câmara dos Deputados. Segundo ele, a medida representa "grande passo" na descentralização de recursos para os municípios.

Por Ricardo Brito

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247