Paulo Rabello: obras do BNDES fora do País geraram empregos e renda para brasileiros

Durante entrevista à Rádio Jovem Pan, o presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, deu verdadeira aula ao historiador Marco Antonio Villa; Rabello foi questionado por Villa, antipetista declarado, sobre os financiamentos do BNDES para obras em Cuba e na África, realizados nos governos de Lula e Dilma Rousseff; ele explicou para Villa que o BNDES financiava as empresas brasileiras e essas, então, prestavam serviços aos países; "São empresas brasileiras que comprar seus produtos aqui no Brasi, fazem seus serviços de engenharia e seus projetos todos no Brasil, gerando empregos e gerando salários aqui no Brasi. Essa parte que é financiada"

Rio de Janeiro - Paulo Rabello de Castro toma posse na presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) (Fernando Frazão/Agênci Brasil)
Rio de Janeiro - Paulo Rabello de Castro toma posse na presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) (Fernando Frazão/Agênci Brasil) (Foto: José Barbacena)

247 - Durante entrevista à Rádio Jovem Pan, o presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, deu uma verdadeira aula ao historiador Marco Antonio Villa. Rabello apresentava na ocasião um relatório detalhado sobre as operações do banco nos últimos anos e foi questionado por Villa, antipetista declarado, sobre os financiamentos do BNDES para obras em Cuba e na África, realizados nos governos de Lula e Dilma Rousseff.

Rabello explicou para Villa que o BNDES financiava as empresas brasileiras e essas, então, prestavam serviços aos países. "São empresas brasileiras que comprar seus produtos aqui no Brasi, fazem seus serviços de engenharia e seus projetos todos no Brasil, gerando empregos e gerando salários aqui no Brasi. Essa parte que é financiada".

"As ilicitudes dessas obras - do Porto, do aeroporto em Moçambique, de Angola, não decorrem do financiamento do BNDES. A parte financiada é estritamente exportação de serviços e equipamentos brasileiros".

Veja a explicação de Paulo Rabello a partir do minuto 19:

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247