'Pico de Covid-19 nas classes altas já passou', comemora presidente da XP

"O pico da doença já passou quando a gente analisa a classe média, classe média alta. O desafio é que o Brasil é um país com muita comunidade, muita favela, o que acaba dificultando o processo todo”, disse Guilherme Benchimol ao falar sobre a pandemia

Guilherme Benchimol, fundador da XP Investimentos
Guilherme Benchimol, fundador da XP Investimentos (Foto: Reprodução/Nasdaq)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O fundador e presidente da corretora XP Investimentos, Guilherme Benchimol, celebrou nesta terça-feira, 5, fato de haver menos mortes por Covid-19 nas classes mais altas da população brasileira. 

“Acompanhando um pouco os nossos números, eu diria que o Brasil está bem. Nossas curvas não estão tão exponenciais ainda, a gente vem conseguindo achatar. Teremos uma fotografia mais clara nas próximas duas a três semanas. O pico da doença já passou quando a gente analisa a classe média, classe média alta", disse Benchimol em transmissão ao vivo do jornal O Estado de S. Paulo.

"O desafio é que o Brasil é um país com muita comunidade, muita favela, o que acaba dificultando o processo todo”, acrescentou. 

O Ministério da Saúde divulgou um novo balanço dos casos de Covid-19 nesta terça-feira (5). Segundo o levantamento, o Brasil registrou um recorde de 600 mortes nas últimas 24 horas, elevando o total de óbitos para 7.921. Há também 114.715 casos confirmados de coronavírus no país. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247