Pressionado, Bolsonaro não deve mais impedir Huawei no leilão do 5G

O governo Jair Bolsonaro não deve barrar a Huawei do leilão do 5G no Brasil. O governo está pressionado diante da saída do aliado Donald Trump (Republicano) da Presidência dos EUA

Bolsonaro e 5G
Bolsonaro e 5G (Foto: Marcos Correa/PR | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo Jair Bolsonaro não deve barrar a Huawei do leilão do 5G do Brasil. O governo está pressionado diante da saída do aliado Donald Trump (Republicano) da Presidência dos Estados Unidos.

O republicano é o principal responsável por pressionar o governo a abrir mão dos interesses econômicos para realizar uma campanha política contra a Huawei.

Segundo interlocutores, a tendência é que o discurso ideológico contra a China seja frustrado, assim como ocorreu no caso da vacina chinesa contra a Covid-19, a CoronaVac.

O leilão está previsto para o fim do primeiro semestre, e o edital deve ser aprovado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em fevereiro.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email