S&P corta ratings de 4 bancos da Itália

Rebaixamento efeito da reduo da nota do pas, na segunda-feira

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

A agência de classificação de risco de crédito Standard & Poor's cortou as notas de quatro bancos italianos - um efeito da recente decisão da S&P de rebaixar o rating soberano da Itália. Por meio de nota divulgada hoje, a S&P informou ter rebaixado o rating de crédito de longo prazo dos bancos Intesa Sanpaolo SpA e Mediobanca SpA de A+ para A, de forma a colocar as notas das instituições financeiras em linha com as do país.

Na segunda-feira, a S&P rebaixou o rating soberano da Itália também de A+ para A. Segundo a agência de classificação de risco de crédito, a paralisia política da coalizão de governo do primeiro-ministro Silvio Berlusconi tornou-se um obstáculo para a recuperação da economia do país.

A agência também rebaixou o rating de duas subsidiárias italianas do banco francês BNP Paribas, que detinha 20,8 bilhões de euros em títulos da dívida italiana em 30 de junho: a Findomestic Banca teve sua nota cortada de A+ para A e a Banca Nazionale del Lavoro teve as notas de longo e curto prazo rebaixadas de AA-/A-1+ para A+/A-1.

A S&P também colocou os quatro bancos rebaixados e outras 11 instituições financeiras, entre elas a UniCredit SpA, em perspectiva negativa, o que abre a possibilidade de novos rebaixamentos no futuro.

Analistas observaram que os rebaixamentos eram inevitáveis, uma vez que o crédito corporativo, por convenção, não recebe nota superior ao rating soberano de um país.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247