Se eleito, Ciro cortará benefícios fiscais em 15%, diz Mauro Benevides

O principal assessor econômico do pré-candidato à Presidência Ciro Gomes, Mauro Benevides, afirma que o pedetista pretende fazer um corte linear de 15% em todos os incentivos fiscais existentes no Brasil; "só isso representará economia de R$ 45 bilhões", afirmou o economista do presidenciável, que comandou a secretaria da Fazenda do Ceará nos últimos 12 anos

Se eleito, Ciro cortará benefícios fiscais em 15%, diz Mauro Benevides
Se eleito, Ciro cortará benefícios fiscais em 15%, diz Mauro Benevides (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 -  O principal assessor econômico do pré-candidato à Presidência Ciro Gomes, Mauro Benevides, afirma que o pedetista pretende fazer um corte linear de 15% em todos os incentivos fiscais existentes no Brasil. "Só isso representará economia de R$ 45 bilhões", afirmou o economista do presidenciável, que comandou a secretaria da Fazenda do Ceará nos últimos 12 anos.

"No próximo dia 30, Ciro deve apresentar seu plano de reforma da Previdência baseado em três pilares: benefício assistencial para quem não contribui, sistema de repartição para benefícios até R$ 3 mil ou R$ 4 mil, e regime de capitalização para rendimentos maiores.

'Não é um fim em si mesmo. As pessoas veem isso como corte, corte, corte. Na realidade, é para dotar o estado de condições financeiras para atender a população, de recompor a capacidade de investir. Precisamos aumentar as receitas e, simultaneamente, cortar despesas. Com isso, a capacidade de investimentos retorna rapidamente' [afirmou Benevides]."

Leia mais aqui. 

 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247