Tirania Temer: Parente rompe contrato com empresa da J&F após delações

Michel Temer partiu para o tudo ou nada e passou a usar empresas estatais como se fossem sua propriedade particular; nesta quinta-feira 8, sob o comando de Pedro Parente, a Petrobras cancelou antecipadamente um contrato de fornecimento de gás natural com a empresa âmbar, do grupo J&F, para a UTE Mário Covas (UTE Cuiabá); o motivo, informou a petroleira em comunicado ao mercado, foi a violação de cláusula contratual que trata da lei anticorrupção

Michel Temer partiu para o tudo ou nada e passou a usar empresas estatais como se fossem sua propriedade particular; nesta quinta-feira 8, sob o comando de Pedro Parente, a Petrobras cancelou antecipadamente um contrato de fornecimento de gás natural com a empresa âmbar, do grupo J&F, para a UTE Mário Covas (UTE Cuiabá); o motivo, informou a petroleira em comunicado ao mercado, foi a violação de cláusula contratual que trata da lei anticorrupção
Michel Temer partiu para o tudo ou nada e passou a usar empresas estatais como se fossem sua propriedade particular; nesta quinta-feira 8, sob o comando de Pedro Parente, a Petrobras cancelou antecipadamente um contrato de fornecimento de gás natural com a empresa âmbar, do grupo J&F, para a UTE Mário Covas (UTE Cuiabá); o motivo, informou a petroleira em comunicado ao mercado, foi a violação de cláusula contratual que trata da lei anticorrupção (Foto: Gisele Federicce)

247 - Michel Temer partiu para o tudo ou nada e passou a usar empresas estatais como se fossem sua propriedade particular. 

Nesta quinta-feira 8, sob o comando de Pedro Parente, a Petrobras cancelou antecipadamente um contrato de fornecimento de gás natural com a empresa âmbar, do grupo J&F, para a UTE Mário Covas (UTE Cuiabá).

O motivo, informou a petroleira em comunicado ao mercado, foi a violação de cláusula contratual que trata da lei anticorrupção. A decisão é tomada após as delações feitas pelo grupo JBS, controlada pela holding J&F, que atingem diretamente o peemedebista.

Nesta quarta, numa outra decisão arbitrária, Temer proibiu a Caixa Econômica Federal de emprestar à J&F.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247