Tratado UE-Mercosul reproduz lógica colonial, diz Nassif

"De um lado, abre totalmente o mercado para setores industriais de ponta. De outro, impede qualquer tributo sobre exportações de matéria prima, compartilhando com a indústria europeia o diferencial competitivo das brasileiras", afirma o jornalista Luis Nassif

Nassif: Guedes é incapaz de qualquer ideia criativa
Nassif: Guedes é incapaz de qualquer ideia criativa (Foto: Felipe Gonçalves)

247 – O jornalista Luis Nassif avalia, em coluna no GGN, que o acordo comercial entre Mercosul e União Europeia é extremamente danoso ao Brasil. "Na parte de de comércio de mercadorias, nos três itens centrais – produtos industriais, agrícolas e commodities – o tratado segue integralmente a lógica histórica das relações centro-periferia", diz ele.

"De um lado, abre totalmente o mercado para setores industriais de ponta. De outro, impede qualquer tributo sobre exportações de matéria prima, compartilhando com a indústria europeia o diferencial competitivo das brasileiras. As siderúrgicas europeias, os produtores de óleo de soja, os exportadores de café industrializado todos terão acesso às matérias primas brasileiras para competir com a produção brasileira, internamente e em outros mercados", afirma.

Leia a íntegra da análise no GGN

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247