CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Economia

Vale: Ágora rebaixa preço alvo da ação em 19%

Um dia aps mineradora desistir da compra da Metorex, corretora reduz a possibilidade de valorizao do papel na bolsa

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247_A Vale conheceu seu primeiro revés ao desistir da compra da mineradora sul-africana Metorex. Na terça-feira 12, a corretora Ágora, que faz parte do Bradesco, revisou seu preço-alvo para as ações da companhia no final deste ano. Os dois papéis tiveram suas valorizações reduzidas em 19%. Para a Ágora, a ação VALE3 chegará a R$ 71 e a VALE5 a R$ 61. No relatório da analista Cristiane Viana, ela afirma que o retorno da companhia no curto prazo ficou menor. “Se considerássemos que o novo preço-alvo fosse atingido, a Vale estaria negociando a um múltiplo EV/Ebitda de 12 meses em torno de 6,1 vezes, ainda abaixo da média histórica, que gira em torno de 6,7 vezes”, escreve Cristiane, utilizando o indicador que mostra o valor da empresa sobre a geração de caixa (EV/Ebitda). Ela projeta o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 17,7 bilhões para o segundo trimestre, crescimento de 35,8% sobre os primeiros três meses do ano.

Embora tenha reduzido o poder de valorização da ação da Vale no ano, a Ágora continua indicando a compra dos papéis. Para o investidor, mesmo com a revisão do preço-alvo as ações continuam atrativas. Hoje, se a VALE3 alcançar a nova projeção da corretora, a valorização será de, aproximadamente, 39%. A VALE 5 poderá render cerca de 32%. No ano, a queda 6,2% e 3,2%, respectivamente.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Na segunda-feira 11, a Vale informou que desistiu de adquirir a mineradora sul-africana Metorex. A empresa brasileira ofereceu US$ 1,1 bilhão pelos negócios da empresa. “A decisão da Vale é consistente com sua rigorosa disciplina de alocação de capital, que é um dos pilares da estratégia de criação de valor ao acionista de forma sustentável. “A Vale continua comprometida a desenvolver seus projetos no rico continente africano. A Vale está atualmente nas etapas finais do projeto de carvão Moatize em Moçambique, implementando a primeira fase do projeto de minério de ferro Simandou na Guiné, e investindo em dois projetos de cobre no Continente Africano”, explicou a companhia.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO