XP sai do ar em dia de queda da Bovespa

A maior corretora financeira do país, ficou fora do ar durante o início do pregão desta quarta-feira (26)

Operadores trabalham em escritório da XP em São Paulo.
Operadores trabalham em escritório da XP em São Paulo. (Foto: REUTERS/Paulo Whitaker)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A XP Investimentos, a maior corretora financeira do país, ficou fora do ar durante o início do pregão desta quarta-feira (26), no dia de grande turbulência no mercado por conta do aumento de casos de coronavírus e do vídeo compartilhado por Jair Bolsonaro que defende o fechamento do Congresso Nacional. 

Nas redes sociais, investidores afirmaram que não conseguiram acessar a plataforma de investimentos tanto da XP, quanto da Clear Corretora, outra empresa da XP Inc.

Ao comentar o episódio, o jornalista Luis Nassif lembrou que a economista-chefe da XP, Zeina Latif, tinha sido demitida por colocar dúvidas sobre o processo de recuperação da economia. 

"O ponto central é que nos últimos meses a XP, com seu formidável poder de indução a parte expressiva de investidores pessoas físicas, vinha fazendo um enorme esforço altista na Bolsa", diz Nassif no Jornal GGN

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247