Daniel Cara sobre atos golpistas: ‘não se pode menosprezar o rastilho de pólvora’

Professor da USP avalia, porém, que atos golpistas, seja do PL ou das ruas, “não têm condições suficientes para causar prejuízos à posse” de Lula

www.brasil247.com - Daniel Cara | bloqueios bolsonaristas nas estradas
Daniel Cara | bloqueios bolsonaristas nas estradas (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado | REUTERS/Ueslei Marcelino)


247 - Em participação na TV 247, o professor da USP Daniel Cara avaliou que há um “risco” inerente aos protestos bolsonaristas em rodovias e na frente de quartéis, mas que ainda não há uma proporção grande o suficiente para ameaçar a posse do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

“Não acho que a gente possa descartar este movimento golpista. Acho temerário desconsiderar uma mobilização que está ocorrendo. Eu aprendi, no decorrer das experiências políticas, que você não pode menosprezar o rastilho de pólvora, porque por menor que seja a explosão, ainda assim é um movimento, uma explosão”, afirmou o professor.

Daniel alertou para o risco dos ‘processos cumulativos’ na História, indicando que tais movimentos podem gerar consequências imprevisíveis no futuro, se não forem contidos. “Eu só não acho que eles tenham, hoje, condições concretas de conseguir fazer uma conversão de um movimento de mobilização para algo que consiga ter resultados políticos como causar problemas ou prejuízos para a posse do presidente Lula. Mas eu não consigo descartar o risco que existe de nós vivermos eventos antidemocráticos. E como a história é sempre maior do que o presente, a gente não pode descartar que essas tentativas podem resultar num processo cumulativo. Então temos que cobrar das Forças Armadas, das polícias, temos que fazer com que elas ajam”.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247