"EUA podem tentar impor a agenda da OTAN ao governo Lula", diz Pepe Escobar

Analista geopolítico diz ainda que o mundo estará completamente dividido entre os países da OTAN e o resto

www.brasil247.com - Pepe Escobar, Lula e Biden
Pepe Escobar, Lula e Biden (Foto: Felipe L. Gonçalves / Brasil247 | Stuckert | Reuters)


247 – O correspondente internacional Pepe Escobar afirmou, em entrevista ao jornalista Leonardo Attuch, editor da TV 247, que o cenário que se desenha para o futuro é o de um mundo totalmente dividido entre os integrantes da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte) e o resto. "Os Estados Unidos podem também tentar impor a agenda da OTAN ao governo Lula", afirma.

Na entrevista, ele afirma que o fato da semana foi a rendição ucraniana em Mariupol. "Está impossível falar sobre a guerra na Europa. A dissolução da União Europeia é flagrante e será muito mais rápida. A União Europeia está totalmente subjugada à OTAN. São vassalos subjugados aos Estados Unidos", afirmou. Ele também acrescentou que as informações sobre laboratórios biológicos serão reveladas. "Tudo isso será levado ao conselho de segurança da ONU", disse ele.

Na visão do jornalista, a "Rússia abriu uma caixa de Pandora que coloca o Sul Global na mesa da geopolítica". Ele também acrescenta que o apoio chinês à Rússia se dá nas sombras. "É o fim do sistema multipolar", diz ele. Escobar também critica a expansão da OTAN e diz que "em vez de finlandização da Ucrânia, estamos tendo a ucranização da Finlândia" – o que pode ter consequências trágicas. "A Ucrânia não tem mais soldados e a economia russa é impermeável", finaliza.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email