CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Entrevistas

Golpe contra Dilma foi a "ilegalidade zero" que culminou no 8 de janeiro, diz Carol Proner

“O 8 de janeiro é o acúmulo dessas disfuncionalidades, desse desprezo institucional”, avalia a jurista e professora

(Foto: Pedro França/Agência Senado | Ricardo Stuckert/PR)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A jurista e professora de direito da UFRJ, Carol Proner, afirmou à TV 247 que a crise institucional no Brasil, que culminou no ataque à democracia por parte de bolsonaristas no dia 8 de janeiro de 2023, começou com o golpe contra a ex-presidente Dilma Rousseff, em 2016, o que ela classificou como a "ilegalidade zero" que inaugurou o processo de desestabilização democrática no país.

Naquele momento houve “uma grande traição institucional do país” disse ela. “Aquilo tudo que deu a estrutura que combina depois com o bolsonarismo, com um governo mais autoritário, no sentido político, e que resulta no esfacelamento do Estado”, afirmou a jurista.

Carol seguiu dizendo que os acontecimentos dos atos golpistas de 8 de janeiro são o “acúmulo destas disfuncionalidades, desse desprezo institucional, e que passa também em algum momento por essas instituições de Justiça”, destacando o papel do lavajatismo no processo de inabilitação política do país.

 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO