Casagrande: contratação de Robinho é “um desrespeito não só às mulheres, mas é uma violência à moral da sociedade”

Comentarista da Rede Globo se posicionou contra a contratação de Robinho pelo Santos por sua condenação parcial em caso de estupro na Itália

(Foto: Ivan Storti/Santos FC)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A mais recente contratação do atacante Robinho, pelo Santos, vem gerando muita controvérsia nas redes sociais e no meio esportivo. O último a se posicionar contrário à contratação foi o comentarista Casagrande. 

No Globo Esporte SP, o comentarista disse: “Eu fico desolado e perco um pouco a esperança. No momento em que o mundo e principalmente o Brasil quer se reorganizar na moral e na ética, isso é um desrespeito não só às mulheres, mas é uma violência à moral da sociedade. Não entendi o motivo da contratação, não faz sentido. Robinho é um ótimo jogador e não tenho nada contra ele pessoalmente; inclusive, ele deu uma camisa que dei para o meu filho santista. Ele é oficialmente condenado por estupro, um crime hediondo, então fico desolado. Estou do lado da moral, da ética e dos valores”, disse Casagrande.

Robinho, segundo a defesa legal do atacante, ainda é tido pela justiça italiana como um “homem livre.” Isso se deve ao fato de que sua sentença final ainda não foi dada, já que Robinho aguarda o julgamento de um recurso. Assim, a condenação do jogador ainda não é definitiva.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247