Maradona morreu no mesmo dia que Fidel, principal influência política do jogador

A relação entre a lenda do futebol argentino e o líder cubano foi uma das mais bonitas da história do futebol

Ex-jogador argentino Diego Maradona também lamentou a morte do líder cubano Fidel Castro; "Morreu o meu amigo, o meu confidente, o que me aconselhou, que me ligava a qualquer hora para falar de política, de futebol, de basebal, o que me disse que quando Clinton fosse embora o que viria era pior, que foi Bush", confessou
Ex-jogador argentino Diego Maradona também lamentou a morte do líder cubano Fidel Castro; "Morreu o meu amigo, o meu confidente, o que me aconselhou, que me ligava a qualquer hora para falar de política, de futebol, de basebal, o que me disse que quando Clinton fosse embora o que viria era pior, que foi Bush", confessou (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Leonardo Sobreira, 247 - Maradona e Fidel Castro, coincidentemente, morreram na mesma data. Os dois cultivaram uma relação próxima ao longo dos anos, onde o argentino obteve grande parte de sua formação política.

Após a Copa de 86, quando Maradona carregou a Argentina ao título, ele visitou Cuba. Lá, conheceu Fidel e foi inspirado por sua história de luta política e social. Várias visitas ocorreram, e Maradona sempre presenteava o líder cubano com camisas da seleção argentina. 

O Goal revelou que, 14 anos mais tarde, quando precisava de tratamento médico, Fidel o ofereceu para o argentino. A vida de Maradona, segundo familiares, foi salva pelo tratamento que recebeu em Cuba.

A relação entre dois é um evento raro no futebol, que hoje se vê tão consumido pelo dinheiro e vazio de valores. Certamente, os dois estão a acender um belo charuto cubano neste momento.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247