Patrocinadora do Santos rompe contrato após contratação de Robinho

Orthopride alega “respeito às mulheres” para decisão; clube faz nota dizendo que atleta não teve condenação definitiva por estupro na Itália e critica o que chama de “era do cancelamento”

Robinho no primeiro treino no Santos. 13 de outubro de 2020
Robinho no primeiro treino no Santos. 13 de outubro de 2020 (Foto: Ivan Storti/Santos FC)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Fórum - A contratação do atacante Robinho, 36 anos, pelo Santos, condenado em primeira instância por estupro na Itália, levou um patrocinador do clube a romper o contrato.

A rede de franquias de ortodontia estética Orthopride, que tinha acordo até fevereiro de 2021 com a agremiação, tomou a decisão na tarde desta quarta-feira. A marca era exibida dentro dos números da camisa do Santos.

Leia a íntegra na Fórum.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email