À espera do Ministério Público Eleitoral

Acusado de fazer antecipao de campanha, o prefeiturvel Daniel Coelho (PSDB) disse que no continuar com a realizao de caravanas at que o MPE tome uma posio definitiva

À espera do Ministério Público Eleitoral
À espera do Ministério Público Eleitoral (Foto: Divulgação)

Leonardo Lucena _PE247 - Deputado estadual e forte aposta do PSDB para as eleições municipais do Recife, Daniel Coelho decidiu que não realizará mais plenárias de caravana até que o Ministério Público Eleitoral tome uma posição sobre as denúncias de propaganda eleitoral antecipada contra ele.“Recebi a notificação do MPE. No entanto, fiz um resgate dos meus feitos em anos anteriores, e deixei claro que visitar comunidades, ouvindo as queixas da população sempre fez parte da minha obrigação política, a qual eu tenho compromisso. Mas, de qualquer forma, vou esperar uma posição final do MPE para dar continuidade às caravanas”, afirmou.

Porém, enquanto mantém suas caravanas suspensas, Daniel investe em críticas à gestão do prefeito João da Costa (PT). O tucano afirma que fato de haver cerca de 6.000 cargos comissionados na PCR, transforma a administração municipal numa espécie de “curral eleitoral” petista.

“A Prefeitura do Recife tem mais cargos comissionado do que o Governo Estadual. Isso é muito equivocado”, declarou o tucano Daniel Coelho. De acordo com ele, deve-se tirar uma parte desses cargos e criar vagas disponibilizadas através de concurso público, formando equipe técnica para a PCR.

Tendo como principal bandeira as discussões concernentes ao meio ambiente, Coelho também aproveitou para falar da gestão ambiental na capital pernambucana. “Apenas 2% do lixo é coletado na cidade. Com uma administração eficiente, podemos chegar a 25%. O que o Recife paga por este tipo de serviço não é compatível com o que é coletado”, disse Coelho, que é favor da terceirização para o gerenciamento do lixo.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247