A exaltação de uma oportuna afinidade

Antigos adversários pelo comando da legenda no Estado, o senador Humberto Costa e o deputado federal João Paulo seguem celebrando a parceria que firmaram para o atual pleito; em novo vídeo, os aliados protagonizam mais uma cena de mútua de “joga de confetes” 

A exaltação de uma oportuna afinidade
A exaltação de uma oportuna afinidade (Foto: Reprodução internet)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PE247- Está, no mínimo, curioso, assistir a algumas cenas da parceria entre o senador Humberto Costa e o deputado federal João Paulo, respectivamente candidatos a prefeito e a vice do Recife pelo PT, nesta campanha eleitoral. Antigos adversários pelo comando da legenda no Estado, os dois caciques não cansam de tentar demostrar que estão juntos – como nunca - em prol do projeto do partido. Em vídeo disponibilizado recentemente, Costa chega a exaltar a humildade do correligionário em aceitar a missão de compor a chapa majoritária com ele.

No mesmo filme, Humberto ressalta o currículo de João Paulo e sua popularidade junto ao povo recifense. O prefeiturável frisa que muitas pesquisas de opinião apontam que a “maioria esmagadora” da população considera o seu vice o melhor prefeito que o Recife já teve.

Por outro lado, João Paulo afirma que não poderia negar um pedido feito pela presidente Dilma Rousseff e pelo ex-presidente Lula. O ex-prefeito ainda garante que estará até o final da disputa ao lado de Humberto para a manutenção do PT no comando da Prefeitura do Recife.

Confira, abaixo, o vídeo:
 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email