A implosão da Fifa

Escndalos de corrupo, como os de Ricardo Teixeira, abalam a entidade; nesta madrugada, Bin Hamman, do Qatar, tambm retirou sua candidatura

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O catariano e presidente da Confederação Asiática de Futebol (CAS), Mohamed Bim Hammam, anunciou a sua desistência da candidatura à presidência da Fifa. Ele era adversário do suíço Joseph Blatter, candidato à reeleição, no pleito da próxima quarta-feira e neste domingo será submetido ao Comitê de Ética da entidade, acusado de corrupção.

O dirigente asiático disse que desistiu para evitar que seu nome “fosse jogado na lama por causa da disputa entre dois homens". “O jogo em si e as pessoas que o amam devem vir em primeiro lugar. É por essa razão que eu anuncio a minha retirada da eleição presidencial”, finalizou.

A crise na entidade é sem precedentes com inúmeras acusações de corrupção que envolvem membros co Comitê Executivo da Fifa, entre eles dois brasileiros: o ex-presidente João Havelange e o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014, Ricardo Teixeira.

Outro acusado de tentar subornar eleitores para a eleição à presidência da entidade, o presidente da Concacaf (Américas do Norte e Central e Caribe), Jack Warner, avisou que um “tsunami” deverá sacudir a reunião do Comitê de Ética. “Não vou mais me fingir de morto”, comentou.

Ricardo Teixeira foi acusado de pedir propina para votar pela Inglaterra na Copa de 2018 -- e como ela não veio, ele teria votado pela Rússia. Ele também é acusado pela imprensa internacional de ter ajudado a Fifa a distribuir mais de US$ 100 milhões em propinas.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email