CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

ABGLT não aceita Malafaia como soteropolitano

A Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), com o apoio de todas as 257 organizações que integram a organização, enviou ofício à Câmara Municipal solicitando a retirada do projeto de lei do vereador Héber Santana (PSC) que vai conceder o Título de Cidadão de Salvador ao líder da  Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, pastor Silas Malafaia; associação afirma que o religioso utiliza de sua posição para ofender os gays

ABGLT não aceita Malafaia como soteropolitano (Foto: Divulgação)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Bahia 247

O projeto do vereador Héber Santana (PSC) de concessão do Título de Cidadão de Salvador ao pastor Silas Malafaia, líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, continua a repercutir mal entre a comunidade gay soteropolitana e já ganhou cunho nacional nos protestos.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Nesta terça-feira (11), o presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), Toni Reis, com o consentimento de todas as 257 organizações que integram a associação, enviou ofício à Câmara Municipal solicitando a retirada do projeto.

Sob o argumento de que faz parte do Conselho Econômico e Social da Organização das Nações Unidas, a ABGLT se diz na missão de "promover ações que garantam a cidadania e os direitos humanos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais, contribuindo para a construção de uma sociedade democrática, na qual nenhuma pessoa seja submetida a quaisquer formas de discriminação, coerção e violência, em razão de suas orientações sexuais e identidades de gênero".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Conforme matéria publicada na edição desta quarta-feira (12) do jornal A Tarde, o título a Malafaia, supostamente, contrariaria essa diretriz, segundo a entidade, pelo fato de o pastor ter feito declarações no programa televisivo "Vitória em Cristo", em seu site na internet e em audiências públicas na Câmara dos Deputados, consideradas ofensivas aos gays.

Citam entre elas: "a homossexualidade é uma rebelião consciente contra o que Deus estabeleceu na Criação" e "Se toda prática deturpada, pecaminosa, imoral for legalizada, onde vai parar a nossa sociedade? Se a sociedade legalizar suas aberrações, ela se destruirá. Um erro moral nunca pode ser um direito civil".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Os vereadores não hesitam na distribuição de Título de Cidadão de Salvador. A lei que dispõe sobre a honraria tem como prerrogativa observar que o homenageado deve ter prestado "serviços relevantes à sociedade soteropolitana". Curioso é que os parlamentares não seguem à risca o que diz a lei. Até Michael Jackson, o rei do pop, já foi homenageado depois de falecido.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO