ACM entrega ‘Nova Avenida Suburbana’, que custou R$ 30 milhões

Construída na década de 1970 ao longo da linha férrea e que ajudou a acelerar o crescimento da região conhecida como Subúrbio Ferroviário, a Avenida Afrânio Peixoto, mais conhecida Avenida Suburbana, foi entregue reformada nesta quarta-feira pelo prefeito ACM Neto; ele percorreu toda a via a partir da Baixa do Fiscal a bordo do Salvador Bus, e destacou "a gramde importância" da obra; "É uma avenida integradora dessa região populosa da cidade e que recebeu investimento de aproximadamente R$ 30 milhões. Agora a população terá uma Suburbana mais segura, além de chegar mais rápido ao Centro da cidade", disse ACM

Construída na década de 1970 ao longo da linha férrea e que ajudou a acelerar o crescimento da região conhecida como Subúrbio Ferroviário, a Avenida Afrânio Peixoto, mais conhecida Avenida Suburbana, foi entregue reformada nesta quarta-feira pelo prefeito ACM Neto; ele percorreu toda a via a partir da Baixa do Fiscal a bordo do Salvador Bus, e destacou "a gramde importância" da obra; "É uma avenida integradora dessa região populosa da cidade e que recebeu investimento de aproximadamente R$ 30 milhões. Agora a população terá uma Suburbana mais segura, além de chegar mais rápido ao Centro da cidade", disse ACM
Construída na década de 1970 ao longo da linha férrea e que ajudou a acelerar o crescimento da região conhecida como Subúrbio Ferroviário, a Avenida Afrânio Peixoto, mais conhecida Avenida Suburbana, foi entregue reformada nesta quarta-feira pelo prefeito ACM Neto; ele percorreu toda a via a partir da Baixa do Fiscal a bordo do Salvador Bus, e destacou "a gramde importância" da obra; "É uma avenida integradora dessa região populosa da cidade e que recebeu investimento de aproximadamente R$ 30 milhões. Agora a população terá uma Suburbana mais segura, além de chegar mais rápido ao Centro da cidade", disse ACM (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - Construída na década de 1970 ao longo da linha férrea e que ajudou a acelerar o crescimento da região conhecida como Subúrbio Ferroviário, a Avenida Afrânio Peixoto, mais conhecida Avenida Suburbana, foi entregue reformada nesta quarta-feira (22) pelo prefeito ACM Neto (DEM), que percorreu toda a via a partir da Baixa do Fiscal a bordo do Salvador Bus.

O percurso contou ainda com uma parada no Largo do Luso, em Plataforma – um dos pontos de maior intervenção para melhoria do tráfego – e prosseguiu até a Praça da Rotatória de Paripe.

"É uma avenida integradora dessa região populosa da cidade e que recebeu investimento de aproximadamente R$30 milhões, que resultaram na implantação da maior ciclovia linear contínua do país, com 14km de extensão, além de nova pavimentação, iluminação e solução de nove pontos críticos de tráfego. Agora a população terá uma Suburbana mais segura, além de chegar mais rápido ao Centro da cidade", disse ACM.

Investimento e ciclovia

As obras beneficiarão 190 ônibus e cinco mil carros que circulam por hora na Avenida Suburbana, de acordo com a Semob (Secretaria de Mobilidade).

Com duração de 10 meses, a intervenção traz como um dos destaques a maior ciclovia linear do Brasil, com 14 km de extensão e 1 metro de largura em cada sentido. O espaço para ciclistas está disposto dos dois lados da via e pode ser utilizado tanto para quem vai em direção ao bairro de Paripe, quanto para quem se destina ao bairro do Uruguai. 

A prefeitura fez ainda a redistribuição da largura da faixa de trânsito, que terá duas pistas com 3,20 metros de largura. No total, foram necessários 39 toneladas de asfalto para pavimentar a suburbana, segundo a prefeitura.

Integram o conjunto de intervenções o serviço de requalificação do pavimento, sinalização horizontal e vertical, drenagem, passeios, ciclovias, relocação de equipamentos urbanos, paisagismos e pintura do canteiro central com recuperação do concreto em vários trechos, além da pintura do meio fio. Para receber as novas estruturas, foram retirados 14 mil metros quadrados de asfalto e 26 mil metros quadrados de meio fio.

Outras intervenções

Entre as alterações para tentar reduzir o número de acidentes de trânsito está a instalação de 11 faixas elevadas em cada sentido da via, para dar suporte aos 18 equipamentos de fiscalização eletrônica com radar instalado no ano passado. Estas medidas obrigam os condutores dos veículos a reduzir a velocidade na avenida, diminuindo as chances de acidente. No início da gestão, em 2013, foram registrados 23 óbitos no trânsito da Suburbana, nos anos seguintes, houve redução no número de acidentes para 17.

Equipamentos de lazer também foram instalados ao longo da Avenida Suburbana nas áreas do Uruguai, Lobato e Paripe. Entre eles um espaço montado para atividade física na rótula de Paripe. Entre os bairros que também foram beneficiados com a reforma/construção de novas praças está o Lobato, que recebeu cinco novos espaços. Outros três foram implantados em São Brás (Plataforma), um em Periperi, um em Plataforma, um em São João do Cabrito e dois em Mirantes de Periperi.

Iluminação

Antes do início das obras, a Avenida Suburbana havia sido contemplada com a nova iluminação em LED, que está sendo implantada nos principais pontos da cidade. Por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), o investimento foi de R$2,3 milhões e foram colocadas 660 novas lâmpadas em 330 postes nos 14 quilômetros da avenida.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247