CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

ACM pode adiar anúncio de chapa para esperar Geddel

A indefinição do peemedebista Geddel Vieira Lima sobre aceitar ou não a vaga de candidato ao Senado na chapa que será encabeçada pelo ex-governador Paulo Souto pode fazer o prefeito ACM Neto adiar por "pouquíssimos dias" o anúncio oficial do nome de Souto, que estava programado para esta sexta; "Se houver por parte dos partidos envolvidos nesse processo uma sinalização, com mais alguns poucos dias, pouquíssimos dias, é possível construir um caminho diferente do que temos até amanhã (sexta). Para mim, essa situação já chegou ao limite", disse o prefeito; Geddel tem até a terça-feira (8) para pensar

Imagem Thumbnail
A indefinição do peemedebista Geddel Vieira Lima sobre aceitar ou não a vaga de candidato ao Senado na chapa que será encabeçada pelo ex-governador Paulo Souto pode fazer o prefeito ACM Neto adiar por "pouquíssimos dias" o anúncio oficial do nome de Souto, que estava programado para esta sexta; "Se houver por parte dos partidos envolvidos nesse processo uma sinalização, com mais alguns poucos dias, pouquíssimos dias, é possível construir um caminho diferente do que temos até amanhã (sexta). Para mim, essa situação já chegou ao limite", disse o prefeito; Geddel tem até a terça-feira (8) para pensar (Foto: Romulo Faro)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Bahia 247 - A indefinição do peemedebista Geddel Vieira Lima sobre aceitar ou não a vaga de candidato ao Senado na chapa que será encabeçada pelo ex-governador Paulo Souto (DEM) pode fazer o prefeito ACM Neto adiar por "pouquíssimos dias" anúncio oficial do nome de Souto, que estava programado para esta sexta em entrevista coletiva.

"Se houver por parte dos partidos envolvidos nesse processo uma sinalização, com mais alguns poucos dias, pouquíssimos dias, é possível construir um caminho diferente do que temos até amanhã (sexta). Para mim, essa situação já chegou ao limite. É preciso ter uma solução, é preciso assumir uma posição sobre esse assunto, mas se for preciso ganhar mais alguns poucos dias, isso terá que vir de uma manifestação dos partidos. Se os partidos disserem 'não, é importante mais três, quatro, cinco dias', eu não tenho problema. Quem já conduziu esse processo até aqui, nos últimos meses, com conversas quase diárias, não vai morrer por conta de três, quatros dias a mais ou a menos", disse o prefeito em entrevista ao site Bahia Notícias.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Apesar de não desmentir escolha do nome de Paulo Souto, ACM Neto diz que manterá diálogo ao máximo em busca da tão sonhada e praticamente descartada chapa única das oposições. Ele tenta despistar que o martelo já foi batido sobre Souto.

"Não há decisão tomada, isso é fato. No entanto, óbvio, eu já estou preparado para, depois de conversas que vão acontecer ao longo do dia de amanhã, tomar uma posição. "Eu não vou manifestar preferência. As pessoas vão saber qual é a minha posição no momento certo. Poderá ser amanhã ou, se por acaso até o fim do dia de amanhã os partidos pedirem mais algum tempo, eu posso considerar esse pedido".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Prazo máximo que o prefeito dará a Geddel é a próxima terça-feira (8). Se o peemedebista não aceitar, vaga do Senado ficará com o PV, na pessoa da vice-prefeita Célia Sacramento, e a chapa será anunciada, além dela, com Paulo Souto para governador e João Gualberto (empresário e ex-prefeito de Mata de São João), do PSDB, para vice.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO