Adriano: 'Adierson e Progresso têm que pagar os rodoviários'

O vereador de Aracaju, Adriano Oliveira (PSDB) cobrou, nesta quarta (23), do empresário Adierson Monteiro e das empresas Progresso e Tropical o pagamento dos salários dos rodoviários, ainda referente ao mês de agosto passado, que se encontra em atraso; a previsão, ainda extraoficial, é que as empresas são vão regularizar este débito no próximo dia 30; Adriano chamou ainda a atenção da Procuradoria Regional do Trabalho para as empresas Progresso e Tropical; "Adierson prometeu que ninguém seria demitido e, só no final de semana, seis trabalhadores foram colocados para fora. Isso é compromisso?”, questionou

O vereador de Aracaju, Adriano Oliveira (PSDB) cobrou, nesta quarta (23), do empresário Adierson Monteiro e das empresas Progresso e Tropical o pagamento dos salários dos rodoviários, ainda referente ao mês de agosto passado, que se encontra em atraso; a previsão, ainda extraoficial, é que as empresas são vão regularizar este débito no próximo dia 30; Adriano chamou ainda a atenção da Procuradoria Regional do Trabalho para as empresas Progresso e Tropical; "Adierson prometeu que ninguém seria demitido e, só no final de semana, seis trabalhadores foram colocados para fora. Isso é compromisso?”, questionou
O vereador de Aracaju, Adriano Oliveira (PSDB) cobrou, nesta quarta (23), do empresário Adierson Monteiro e das empresas Progresso e Tropical o pagamento dos salários dos rodoviários, ainda referente ao mês de agosto passado, que se encontra em atraso; a previsão, ainda extraoficial, é que as empresas são vão regularizar este débito no próximo dia 30; Adriano chamou ainda a atenção da Procuradoria Regional do Trabalho para as empresas Progresso e Tropical; "Adierson prometeu que ninguém seria demitido e, só no final de semana, seis trabalhadores foram colocados para fora. Isso é compromisso?”, questionou (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O vereador de Aracaju, Adriano Oliveira (PSDB) cobrou, nesta quarta-feira (23), do empresário Adierson Monteiro e das empresas Progresso e Tropical o pagamento dos salários dos rodoviários, ainda referente ao mês de agosto passado, que se encontra em atraso. A previsão, ainda extraoficial, é que as empresas são vão regularizar este débito no próximo dia 30.

Adriano explicou que não nutre nenhum problema de ordem pessoal com o empresário, mas revela que vai continuar usando a tribuna da CMA para cobrar o pagamento até que tudo esteja regularizado. “Não tenho nada contra a pessoa de Adierson Monteiro. Eu quero é que ele, a Progresso e a Tropical paguem os salários dos funcionários que estão atrasados. Pague a quem deve ao invés de ficar usando as redes sociais para tentar denegrir a imagem do vereador Adriano Taxista plantando inverdades”, cobrou.

Em seguida, o parlamentar tucano disse que foi eleito vereador com o apoio incondicional dos rodoviários e taxistas. “A frota de ônibus está nas ruas e os passageiros não pagam passagens parceladamente. É tudo à vista! E para onde vai esse dinheiro? Não justifica esse atraso de salários! Se o cidadão entrar no ônibus e não tiver o dinheiro da passagem, a empresa não vai querer transportá-lo. Vou continuar denunciando e cobrando melhorias para a classe trabalhadora e vocês não vão me calar”.

Adriano chamou novamente a atenção da Procuradoria Regional do Trabalho para as empresas Progresso e Tropical. “Isso é uma falta de respeito com os trabalhadores. Fui eleito e tenho mandato até o final de 2016. Até lá estarei cobrando aqui com frequência. Se a empresa VCA fechou foi por problemas de irresponsabilidade administrativa de seus gestores. Não foi culpa do vereador Adriano”.

“E se a Progresso e a Tropical fecharem as portas, a culpa também não será minha, mas da falta de responsabilidade dos seus administradores que não estão pagando em dia os seus trabalhadores, não pagam horas extras e nem depositam o INSS regularmente. Eu tenho compromisso com os rodoviários e só quero que Adierson, a Progresso e a Tropical paguem a seus funcionários! Adierson prometeu que ninguém seria demitido e, só no final de semana, seis trabalhadores foram colocados para fora. Isso é compromisso?”, questionou o vereador.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247