Aécio pediu para Gilmar atuar pela soltura de sua irmã, Andrea Neves

Segundo nota da Coluna do Estadão, o senador tucano, desesperado desde a prisão da irmã, telefonou para senadores pedindo que interviessem com o ministro Gilmar Mendes, do STF, para que atuasse pela sua soltura; não adiantou: o Supremo decidiu nesta semana manter a prisão de Andrea

Segundo nota da Coluna do Estadão, o senador tucano, desesperado desde a prisão da irmã, telefonou para senadores pedindo que interviessem com o ministro Gilmar Mendes, do STF, para que atuasse pela sua soltura; não adiantou: o Supremo decidiu nesta semana manter a prisão de Andrea
Segundo nota da Coluna do Estadão, o senador tucano, desesperado desde a prisão da irmã, telefonou para senadores pedindo que interviessem com o ministro Gilmar Mendes, do STF, para que atuasse pela sua soltura; não adiantou: o Supremo decidiu nesta semana manter a prisão de Andrea (Foto: Gisele Federicce)

Minas 247 - O senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) telefonou para senadores pedindo que interviessem com o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, para que atuasse pela sua soltura de sua irmã, Andrea Neves.

A informação é da Coluna do Estadão, que acrescenta que o tucano está "desesperado" desde a prisão de Andrea, em 18 de maio, no âmbito da Operação Patmos, da Polícia Federal. Ela é acusada de pedir R$ 2 milhões ao empresário Joesley Batista, da JBS, em nome do irmão.

O apelo não adiantou: a Primeira Turma do Supremo decidiu nesta semana manter a prisão de Andrea por 3 votos a 2. Votaram a favor da soltura os ministros Marco Aurélio Mello e Alexandre de Moraes. Gilmar Mendes não faz parte da 1ª Turma.

O pedido de prisão de Aécio, feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, será julgado no próximo dia 20. O tucano já foi afastado de suas funções no Senado, apesar de manter o salário.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247