CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Amastha destaca potencial de Palmas em plano do BID

Durante seminário de diagnóstico das Cidades Sustentáveis, realizada pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano de Palmas (Impup), o prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PP), destacou que desde outubro de 2012 buscou o apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para inclusão de Palmas no programa; "Com certeza esta parceria nos levará a um novo patamar de desenvolvimento. Palmas será vitrine para demais cidades que enfrentam grandes problemas e hoje nos planejamos para que eles possam ser evitados", disse o prefeito

Imagem Thumbnail
Durante seminário de diagnóstico das Cidades Sustentáveis, realizada pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano de Palmas (Impup), o prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PP), destacou que desde outubro de 2012 buscou o apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para inclusão de Palmas no programa; "Com certeza esta parceria nos levará a um novo patamar de desenvolvimento. Palmas será vitrine para demais cidades que enfrentam grandes problemas e hoje nos planejamos para que eles possam ser evitados", disse o prefeito (Foto: Aquiles Lins)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Tocantins 247 - Serviços de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgotos domésticos, coleta e destinação de resíduos sólidos, investimento de programas do governo federal através da Caixa Econômica Federal em Palmas foram alguns dos temas apresentados nessa quinta-feira, 10, durante o Seminário de Diagnóstico das Cidades Sustentáveis, realizada pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano de Palmas (Impup).

O Município foi eleito pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para desenvolver o Plano de Ação Sustentável Local. O BID conta com a parceria da Caixa Econômica Federal para executar a Ices. Na ocasião, o prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PP), enfatizou os benefícios que a Capital receberá ação com a conjunta.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O prefeito destacou também que desde outubro de 2012 buscou o apoio do BID para inclusão de Palmas no programa. "Com certeza esta parceria nos levará a um novo patamar de desenvolvimento. Palmas será vitrine para demais cidades grandes que enfrentam grandes problemas e hoje nos planejamos para que eles possam ser evitados", destacou Amastha.

O secretário de Desenvolvimento Rural, Roberto Sahium, abordou os programas e potencialidades voltados para o meio rural desenvolvidos pelo Município. Sahium falou ainda dos desafios e dificuldades encontradas com a ausência de políticas públicas para este setor.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"No âmbito geral é necessário um planejamento maior. Um exemplo é a justificativa que muitos prejuízos são causados por chuva demais ou falta dela, porém faltam mais políticas públicas", afirmou Sahium.

Já o secretário de Habitação, Aleandro Lacerda, falou da importância da sustentabilidade na construção de unidades habitacionais, recuperação e conservação do meio ambiente. "Falar de cidades sustentáveis é algo que está sendo discutido em nível mundial. A sustentabilidade influência no plano habitacional, seja na construção de casas ou na recuperação de áreas que são ocupadas de maneira irregular. É questão de vida", ressaltou Lacerda.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Foram debatidas também como são as receitas, formas de transparências, fontes de financiamento, despesas, dívidas, desemprego e potencialidades, mecanismos fiscais e demais Finanças do Município. A mobilidade urbana e sistema municipal de transporte público foram abordados e os benefícios resultados com a implantação do Bus Rapid Transit (BRT).

O Seminário de Diagnóstico faz parte do programa Iniciativa Cidades Emergentes e Sustentáveis (Ices) para conselheiros municipais e técnicos da Caixa Econômica Federal.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O Seminário integra a primeira etapa de trabalho e visa definir ações em três eixos a serem desenvolvidos: Dimensão Ambiental e Mudança Climática, Dimensão Urbana, Dimensão Fiscal e Governabilidade.

A Iniciativa Cidades Emergentes e Sustentáveis tem como objetivo lidar com desafios nas cidades emergentes da América Latina e Caribe. A ação inovadora vem ao encontro de questões urbanas prioritárias na busca de soluções para a construção mais harmônicas e sustentáveis.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO