CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Ameaças a jornalista chegam a Comissão de Direitos Humanos

Deputado Mauro Rubem (PT-GO) recebe jornalista investigativo autor do livro "Operação Ouro Negro" no escritório da Comissão de Direitos Humanos e toma providências imediatas após denúncias de ameaças por parte de simpatizantes de Adib Elias em Catalão

Ameaças a jornalista chegam a Comissão de Direitos Humanos (Foto: Divulgação)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Goiás 247_ O presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa, deputado estadual Mauro Rubem (PT-GO), conversou nesta segunda feira (10/09) com o escritor e jornalista investigativo Cristiano Silva, autor do livro “Operação Ouro” Negro, baseado em reportagens que apuraram fatos envolvendo corrupção ativa e passiva na Prefeitura de Catalão até 2007, e, que teria resultado no desvio de mais de R$ 10 milhões durante a administração do ex-prefeito Adib Elias (PMDB).

Acompanhado do presidente da Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de Goiás, Romes Xavier, Cristiano recorreu à Comissão de Direitos Humanos da Assembleia por que se tornou vítima de violentas intimidações por parte de integrantes do PMDB catalano.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O autor recebeu ameaças na sexta-feira (31/08) em Catalão após a divulgação da obra em veículos de comunicação do município. De acordo com Cristiano, três homens que estavam em um veículo Pálio cor prata com vários adesivos do PMDB o ameaçaram dizendo que o assunto seria resolvido com um tiro no olho. O livro já está esgotado nas bancas e virou assunto na cidade.

O repórter investigativo ponderou com o deputado Mauro Rubem e disse lamentar, pois, após a luta pela redemocratização do País e conquista da liberdade de imprensa, ameaças como essa ainda ocorram. O presidente da Associação dos Cronistas Esportivos, Romes Xavier, lembrou que a imprensa goiana já sofreu um duro golpe com o assassinato do jornalista e cronista esportivo Valério Luiz, e que é inadmissível qualquer tipo de intimidação a Cristiano.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Romes considera as ameaças uma afronta ao jornalismo goiano. O deputado Mauro Rubem tomou providências imediatas sobre o caso. “Não vamos admitir em hipótese nenhuma esse tipo de ação contra a vida e a liberdade de expressão. Vamos encaminhar imediatamente um ofício ao Ministério Público e outro a Secretária de Segurança Pública de Goiás pedindo apoio e proteção à vida do escritor Cristiano Silva,” garantiu Mauro Rubem.

O livro Operação Ouro Negro ainda não foi lançado oficialmente em Catalão por causa das ameaças. De acordo com Cristiano Silva existem dois empresários interessados em realizar o lançamento em seus estabelecimentos. Além do mais, o professor de Geografia da UFG de Catalão, Laurentino Elias Pedrosa, está agendando uma palestra, ainda este mês, com o autor na Universidade.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Há três semanas a população de Catalão só fala sobre o polêmico livro que trás a denúncia do Ministério Público, investigações da Polícia Civil, documentos e escutas telefônicas que comprometem a atuação política do ex-prefeito Adib Elias e seus aliados.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO