Anápolis: Marconi diz que vai atuar pela criação do polo de defesa

Candidato ao Senado Federal, o ex-governador Marconi Perillo visitou três indústrias que integram o polo de distribuição de Anápolis: Goiás Atacado Distribuidor, Pérola Distribuição e Logística e Rio Vermelho Distribuidor; ao destacar a industrialização, aeroporto de cargas e inúmeras obras levadas a Anápolis em suas gestões, Marconi afirmou que, no Senado Federal, seu próximo trabalho por Anápolis será pela criação de um polo de defesa aeronáutica para o município

Anápolis: Marconi diz que vai atuar pela criação do polo de defesa
Anápolis: Marconi diz que vai atuar pela criação do polo de defesa

Goiás 247 - Candidato ao Senado Federal, o ex-governador Marconi Perillo visitou, na tarde de terça-feira, três indústrias que integram o polo de distribuição de Anápolis: Goiás Atacado Distribuidor, Pérola Distribuição e Logística e Rio Vermelho Distribuidor. Ao destacar a industrialização, aeroporto de cargas e inúmeras obras levadas a Anápolis em suas gestões, Marconi afirmou que, no Senado Federal, seu próximo trabalho por Anápolis será pela criação de um polo de defesa aeronáutica para o município.

Na Goiás Atacado Distribuidor, Marconi foi recebido pelo presidente da empresa Jorge Hajjar, pelo sócio Nassim Hajjar e o chefe de Recursos Humanos, Toninho. Ele esteve acompanhado pelo vice-prefeito de Anápolis, Pastor Márcio, e ex-prefeito de Anápolis e candidato a deputado estadual, João Gomes, presidente da AGR, Ridoval Chiareloto, dentre outras lideranças.

“Marconi é uma pessoa que o estado precisa dele e ele merece nossa gratidão. Goiás cresceu em todos os setores. O Estado cresceu em todos os setores nas gestões dele, se tornou referência nacional na educação, saúde, na industrialização. Sempre tivemos o apoio dele e somos muito gratos”, afirmou Nassim Hajjar. “As mãos de Marconi estão em todos as áreas do desenvolvimento de Anápolis”, acrescentou o vice-prefeito de Anápolis.

Marconi destacou que quando se candidatou pela primeira vez a governador de Goiás, Anápolis estava perdendo todas as suas indústrias. Ele estudou com o setor empresarial o que seria necessário para reverter aquele quadro, e juntos concluíram que seria preciso criar um aeroporto de cargas, um hospital público de urgências e uma universidade, além de cuidar da infraestrutura da cidade.

“Além dessas providências e dos incentivos fiscais, consolidamos a industrialização de Anápolis, como o segundo maior polo farmacêutico do País, com indústria automobilística, com educação de qualidade. Reestruturamos o DAIA. A nova virada de Anápolis será criar um polo de defesa aeronáutica para Anápolis”, afirmou.

Ele pediu a confiança dos funcionários nos candidatos da chapa majoritária da coligação Goiás Avança Mais, o governador Zé Eliton, candidato à reeleição, e senadora Lúcia Vânia, candidata à reeleição. Destacou a importância da defesa dos incentivos fiscais, que continuará a ser bandeira de Zé Eliton e dele e de Lúcia Vânia no Senado. “Sempre defendi os incentivos fiscais, pois sem eles as empresas fecham, os empregos acabam. Podem ter certeza de que continuarei a ser um embaixador de Anápolis nessa defesa intransigente”, assegurou.

A segunda empresa visitada foi a Pérola Distribuição e Logística, onde Marconi foi recebido pelos proprietários Maurício Miguel eJoão Batista Vítor. O proprietário Maurício Miguel pediu aos funcionários que tenham gratidão por tudo o que Marconi já fez pelas empresas com os incentivos fiscais e pela geração de empregos em Goiás.

Marconi ressaltou que sempre se preocupou com Anápolis, desde que se candidatou pela primeira vez ao governo estadual. “A cidade estava tão desalentada que Anápolis parecia ter sido esquecida no tempo. Escrevemos um manifesto chamado Reaja Anápolis, e a cidade reagiu. Anápolis acabou virando a capital do emprego, da oportunidade, da modernidade e industrialização, graças às nossas gestões”, disse.

“Em Brasília, não quero ficar contente só com o DAIA, com a base aérea, com a industrialização, com as montadoras. Quero lutar para criar um polo de defesa aeronáutica para Anápolis”, endossou. Marconi encerrou as visitas às empresas de distribuição de Anápolis na Rio Vermelho Distribuidor, acompanhado pelos diretores Eder Júnior e Aristides, e lideranças políticas.

Ele fez uma breve explanação sobre as obras que levou para Anápolis durante suas gestões, e reiterou o comprometimento com a geração de empregos. “Antes de iniciar minha primeira gestão eu havia prometido gerar 400 mil empregos para Goiás. No ano passado, o Caged informou que já geramos mais de um milhão de empregos. E nosso objetivo é continuar despontando nacionalmente na geração de empregos”, frisou.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247