Aos 38 anos, Marcos Assunção estuda aposentadoria

“A gente tem que dar um rumo na vida. Vou decidir com muita calma, é algo muito difícil, acho que vai ser a escolha mais difícil da minha vida. Tem que ser muito bem pensada para não ter arrependimento depois”, declarou

“A gente tem que dar um rumo na vida. Vou decidir com muita calma, é algo muito difícil, acho que vai ser a escolha mais difícil da minha vida. Tem que ser muito bem pensada para não ter arrependimento depois”, declarou
“A gente tem que dar um rumo na vida. Vou decidir com muita calma, é algo muito difícil, acho que vai ser a escolha mais difícil da minha vida. Tem que ser muito bem pensada para não ter arrependimento depois”, declarou (Foto: Luis Mauro Queiroz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Rafael Mirapalheta Goulart, do  Futnet

O experiente Marcos Assunção, que conta com passagem por grandes clubes brasileiros como Santos, Flamengo e Palmeiras, admite a possibilidade de “pendurar as chuteiras”. Sem clube, o volante irá avaliar sua situação para o ano que vem, e promete tomar a decisão no próximo mês de janeiro.

“A gente tem que dar um rumo na vida. Vou decidir com muita calma, é algo muito difícil, acho que vai ser a escolha mais difícil da minha vida. Tem que ser muito bem pensada para não ter arrependimento depois”, declarou.

Assunção não atua desde que deixou a Portuguesa no meio da temporada. O atleta revelou ter recebido sondagens de alguns clubes do interior, mas no entanto, só pretende continuar jogando se a pretensão esportiva do novo clube for alta: “Essa decisão será tomada em janeiro. Se tiver um projeto legal, onde o clube lute para conquistar alguma coisa (posso continuar)”.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247