Armstrong admite doping, diz USA Today

Lance Armstrong confessou ter usado substâncias ilegais para melhorar a performance durante entrevista com a apresentadora Oprah Winfrey na segunda-feira; até então, o ciclista sempre negou veementemente o uso de doping, mas flagrado numa investigação, perdeu sete títulos e foi banido do esporte

Armstrong admite doping, diz USA Today
Armstrong admite doping, diz USA Today (Foto: LUCAS JACKSON)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Corrie MacLaggan

AUSTIN, Texas, 15 Jan (Reuters) - Lance Armstrong confessou ter usado substâncias ilegais para melhorar a performance durante entrevista com a apresentadora Oprah Winfrey na segunda-feira, informou o jornal USA Today.

Nem Oprah nem Armstrong confirmaram a reportagem, na qual o jornal cita fontes anônimas.

"Não estamos confirmando nenhum detalhe específico sobre a entrevista neste momento", disse um porta-voz do canal OWN, de Oprah, à Reuters.

Armstrong, de 41 anos, sempre negou veementemente o uso de doping e nunca foi flagrado em qualquer exame antidoping ao longo da carreira, mas uma investigação da agência antidoping dos EUA o apontou como responsável pelo "mais bem sucedido esquema de doping na história do esporte".

Como resultado da investigação, o ciclista perdeu os sete títulos conquistados na Volta da França e foi banido do esporte.

A emissora CBS disse na semana passada que Armstrong estaria disposto a confessar o doping e testemunhar contra outros envolvidos no esquema, e também devolver o dinheiro dos contribuintes norte-americanos que ele ganhou ao longo da carreira em forma de patrocínio.

A reportagem sobre a eventual confissão de doping surgiu após Armstrong ter visitado os funcionários da fundação contra o câncer fundada por ele, que enfrentou a doença, para pedir desculpas pelas dificuldades que eles enfrentaram em consequência do escândalo sobre o doping.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email