Au revoir, Abilio

Após perder o controle do grupo Pão de Açúcar, empresário Abilio Diniz sofre mais uma derrota: é tirado do conselho diretor da rede varejista francesa Casino, da qual era sócio, com 99,74% dos votos

Au revoir, Abilio
Au revoir, Abilio (Foto: Mastrangelo Reino/Folhapress)

247 – Acionistas do grupo Casino votaram nesta sexta-feira 11 pela saída do dono do Pão de Açúcar, Abilio Diniz, do conselho diretor da varejista francesa. O plano de tirar o empresário brasileiro foi da empresa, que o colocou em votação e obteve esmagadora maioria de aprovação nos votos. Junto com Abilio, sai Philippe Houze, presidente da Monoprix, também controlada pelo Casino e pela Galeria Lafayette, que têm disputado participação e controle pela rede de supermercados.

A decisão é tomada em meio a uma relação comercial tensa entre Brasil e França. Abilio, que mesmo sendo sócio do Casino, queria adquirir a rede Carrefour no Brasil, principal concorrente do grupo francês. Apesar de tentar o contrário por diversas vezes, incluindo até mesmo o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) na disputa, o empresário foi derrotado e não pôde concluir a negociação.

Foi em março deste ano, porém, que o Casino informou sua principal vitória sobre Abilio Diniz: o grupo francês havia iniciado os procedimentos para que se tornasse o único acionista controlador do grupo Pão de Açúcar, como já era acertado desde 2005. Na ocasião, Abilio também já recebeu uma notificação informando que o grupo obtinha o direito de nomear o presidente do Conselho de Administração da Wilkes – holding controladora do Pão de Açúcar. Hoje, o empresário brasileiro recebeu um balde de água fria do grupo: os votos para a aprovação de sua saída foram de 99,74%. Ele continua na presidência do conselho do Grupo Pão de Açúcar.

Entenda o caso: Casino manda o recado: Bye, bye, Abílio Diniz

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247