Audiência de Rafinha Bastos é uma farsa no Twitter

Pesquisa revela que cerca de 81% dos seguidores do humorista tm perfis praticamente inativos no microblog;veja nmeros de outros famosos

Audiência de Rafinha Bastos é uma farsa no Twitter
Audiência de Rafinha Bastos é uma farsa no Twitter (Foto: REPRODUÇÃO)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Depois da divulgação da notícia de que celebridades como Luciano Huck, Claudia Leitte e Ivete Sangalo teriam inflado a audiência de seus seguidores no Twitter, segundo uma pesquisa da agência digital Sequaz, a coluna Radar, da Veja, noticiou hoje que Rafinha Bastos e Sabrina Sato fizeram o mesmo. Os números dão conta de que entre 75% e 80% dos seguidores dos três famosos têm perfis inativos.

O levantamento inédito sobre o nível de atividade de celebridades na rede social revela que dos 3,9 milhões de seguidores de Sabrina, apenas 7% acessam suas contas diariamente e 6% semanalmente. Quanto a Rafinha, 8% dos seus 4,2 milhões de seguidores acessam o microblog diariamente e 7% semanalmente. Cerca de 81% dos seguidores do humorista e da apresentadora entram no Twitter, em média, apenas uma vez por mês.

A audiência das celebridades no Twitter tem o poder de carimbar quanto vale comercialmente cada perfil do microblog, e consequente, o que postam na rede, já que muitos deles trabalham com tuítes patrocinados. Vale lembrar que Rafinha Bastos foi eleito no ano passado, por uma pesquisa encomendada pelo jornal americano The New York Times, o tuiteiro mais influente do mundo, o que lhe rendeu um belo patrocínio da Nokia.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email