Audiência discute segurança de agências bancárias no interior

O problema da segurança para o funcionamento das agências bancárias, no interior do Estado, particularmente o Banco do Brasil, constantemente alvo de assaltos, será debatido na tarde de hoje (6), na Assembleia Legislativa, na Comissão de Defesa do Consumidor (CDC). O Banco do Brasil é o principal banco do interior do Ceará, por estar presente em quase todos os municípios e o maior alvo de assaltos

O problema da segurança para o funcionamento das agências bancárias, no interior do Estado, particularmente o Banco do Brasil, constantemente alvo de assaltos, será debatido na tarde de hoje (6), na Assembleia Legislativa, na Comissão de Defesa do Consumidor (CDC). O Banco do Brasil é o principal banco do interior do Ceará, por estar presente em quase todos os municípios e o maior alvo de assaltos
O problema da segurança para o funcionamento das agências bancárias, no interior do Estado, particularmente o Banco do Brasil, constantemente alvo de assaltos, será debatido na tarde de hoje (6), na Assembleia Legislativa, na Comissão de Defesa do Consumidor (CDC). O Banco do Brasil é o principal banco do interior do Ceará, por estar presente em quase todos os municípios e o maior alvo de assaltos (Foto: Fatima 247)

Ceará247 - O problema da segurança para o funcionamento das agências bancárias, no interior do Estado, particularmente o Banco do Brasil, constantemente alvo de assaltos, será debatido hoje  a tarde, na Assembleia Legislativa, na Comissão de Defesa do Consumidor (CDC). Segundo o deputado Odilon Aguiar, autor do requerimento da realização da audiência pública para discutir o assunto, o fechamento temporário de agências que são depredadas nos assaltos traz enormes prejuízos à população e às empresas nos municípios. O Banco do Brasil é o principal banco do interior do Ceará, por estar presente em quase todos os municípios.

O parlamentar reconhece o esforço do Governo do Estado, para melhorar a estrutura de segurança, mas adverte que é preciso uma solução urgente para o problema, "sob pena de continuarmos a por em risco vidas humanas, empresas e empregos no interior do Estado".

Foram convidados para audiência o secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Delci Teixeira, o presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Expedito Nascimento, o presidente do Banco do Brasil (BB), Paulo Rogério Cafarreli, o superintendente do Banco do Brasil no Ceará, Clóvis de Castro Júnior, o presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará, Carlos Eduardo Bezerra, além de prefeitos e presidentes de câmaras municipais do Interior.



 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247