CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Bahia vence o Figueirense e mantém embalo

Com triunfo de 2 a 1 de virada, Tricolor de Aço chega aos 31 pontos e é o 12º colocado na Série A do Brasileirão; no segundo turno o time baiano tem campanha de quatro vitórias e dois empates em seis jogos; Cláudio Pitbull fez o gol salvador baiano aos 44 minutos do segundo tempo

Bahia vence o Figueirense e mantém embalo (Foto: Eduardo Martins)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Band- No confronto direto pela luta contra o rebaixamento, o Bahia levou a melhor e derrotou o Figueirense por 2 a 1 neste domingo, no Pituaçu. Com o resultado, o Tricolor baiano pulou para 13ª posição e chegou aos 31 pontos, enquanto o Figueira permanece na 18ª colocação com 22 pontos.

Mesmo com os sérios desfalques de ambas as equipes, o jogo foi muito bem disputado. Com três atacantes em campo, o Bahia começou o jogo pressionando o Figueirense, e criou duas boas oportunidades logo no início.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Aos 4 minutos, Neto cruzou para Jones, o atacante dominou e rolou para Hélder, que chutou de primeira, da entrada da área, levando perigo ao gol de Wilson. Um minuto depois Jones Carioca driblou João Paulo, entrou na área e chutou para fora, à esquerda do gol.

Pouco a pouco, o Figueirense foi crescendo na partida. Aos 16, Caio roubou a bola de Helder, fez bela jogada e lançou julio Cesar no ataque, cara a cara com Marcelo Lomba, mas o atacante foi flagrada em posição irregular. Logo depois, Túlio tentou acertar o ângulo de Lomba e mandou para fora. Em um contra ataque rápido, Caio foi lançado na ponta esquerda e o goleiro do Bahia teve que sair da área para parar a jogada, recebendo o cartão amarelo.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O placar só foi aberto com 33 minutos de jogo. Botti cruzou da esquerda, a bola passou por todo mundo dentro da área até que Julio Cesar apareceu na segunda trave para, de peixinho, empurrar a bola para o fundo da rede. O atacante que entrou no lugar do artilheiro Aloísio, marcou o seu quarto gol no Brasileirão.

Na segunda etapa, o Tricolor veio com mudança. Lulinha entrou no lugar de Rafael, que não fez um bom primeiro tempo. Recuado e apostando na velociade de Caio para puxar os contra ataques, o Figueirense deu campo para o Bahia pressionar em busca do empate.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Aos 9 minutos, Neto foi derrubado quando entrava na área. Ele mesmo cobrou a falta e acertou o travessão. A partir daí, o Bahia continuou pressionando, mas não conseguia criar chances claras. Até que, aos 27 minutos, veio o merecido empate, e com um gol parecido com o do Figueirense. Cruzamento de Jussandro na esquerda, a bola atravessa toda a área até encontrar os pés de Hélder.

Com o gol, o Tricolor ganhou o apoio das arquibancadas e passou pressionar ainda mais. Aos 37, Jones entrou livre na área, chutou e Wilson fez bela defesa. E aos 44, em um lance confuso, Cláudio Pitbull virou para o Bahia. Jones foi lançado na área, dividiu com o goleiro Wilson e a bola sobrou com Pitbull só empurrar para o gol e garantir a vitória.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

FICHA TÉCNICA:

BAHIA (2): Marcelo Lomba; Neto, Dani Morais, Titi e Jussandro; Fahel, Diones e Hélder; Rafael, Elias e Jones. Técnico: Jorginho

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

FIGUEIRENSE (1): Wilson; Doriva, João Paulo, Edson e Helder; Coutinho, Tulio, Claudinei e Botti, Caio e Julio Cesar. Técnico: Márcio Goiano

Local: Estádio Pituaçu, Salvador (BA)
Árbitro: Nilson Dias
Cartões Amarelos:
Cartões Vermelhos: -
Gols: Julio Cesar 33'/1ºT (0-1), Hélder 27'/2ºT (1-1), Cláudio Pitbull 44'/2ºT (2-1)

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO