Baiano Robenilson avança no boxe olímpico

Boxeador de Boa Vista de Tupim venceu adversário do Uzbequistão por 13 a 7, confirmando a boa fase da modalidade no Brasil; a equipe de boxe brasileira apostou num regime de concentração de três anos e conseguiu se classificar para 70% das vagas disponíveis 

Baiano Robenilson avança no boxe olímpico
Baiano Robenilson avança no boxe olímpico (Foto: REUTERS/Murad Sezer)

247 com Brasil Olímpico - O boxe brasileiro estreou com vitória nos Jogos Olímpicos de Londres. Na categoria 56kg, o baiano Robenilson Jesus venceu Ozubek Sahimov, do Uzbequistão, por 13 a 7 e avançou à segunda rodada, que acontecerá ainda hoje.

O boxeador de Boa Vista de Tupim, no interior da Bahia, quase não deu chance ao adversário no primeiro round. Porém, no segundo, o atleta do Uzbequistão foi para a luta franca e incomodou o brasileiro. Mas, no assalto final, o brasileiro voltou a comandar as ações, vencendo o combate por 13 a 7.

Na próxima fase, quarta-feira, o baiano enfrentará o russo Sergey Vodopinayov, campeão mundial de 2007, que derrotou o argentino Alberto Melián por 12-5. Eliminado nas oitavas de final de Pequim-2008 no peso mosca, Robenilson conquistou o bronze nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no ano passado, já na categoria galo.

Recorde de classificados

O Brasil levou a maior delegação de sua história no boxe masculino para uma mesma edição dos Jogos Olímpicos. O País conseguiu a excelente marca de 70% do total de vagas disponíveis.

Os atletas iniciaram o ciclo olímpico em 2009 e os resultados confirmaram que o sistema de manter a equipe permanente concentrada em um só local foi acertado. A marca de 100% de classificação dos atletas que tiveram treinamentos e estavam concentrados junto da equipe durante os últimos 3 anos é prva disso -- os 3 atletas que não obtiveram a classificação chegaram a equipe nos últimos 3 meses da preparação.

O sistema de classificação para os Jogos Olímpicos de Londres foi diferente dos Jogos passados. Anteriormente eram 11 as categorias de peso e o sistema de classificação contava com 3 torneios Pré Olímpico para tentativa da obtenção da vaga. Para obter a vaga em Londres, os atletas do Brasil tiveram somente 2 oportunidades. O duríssimo Campeonato Mundial que foi realizado em Baku, Azerbaijão, no ano de 2011, e o único Pré Olímpico das Américas que foi realizado no Rio de Janeiro.

Com esse sistema, o Brasil classificou 3 atletas no Campeonato Mundial, Everton Lopes, Esquiva Florentino e Robson Conceição. As outras 4 vagas vieram no forte torneio Pré Olímpico que está sendo disputado no Rio de Janeiro com os atletas Julião Neto, Robenilson Jesus, Myke Carvalho e Yamaguchi Florentino.

Com informações da Confederação Brasileira de Boxe

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247