Baldy: prioridade é concluir obras paradas

Em visita a Goiânia para acompanhar a obra do BRT Norte Sul e para anunciar a liberação de R$ 7 milhões para reparos emergenciais na marginal Botafogo, o ministro das Cidades, o goiano Alexandre Baldy, afirmou à TV Brasil Central que a sua prioridade na pasta é providenciar a retomada de obras paralisadas pelo Brasil afora; ministro diz que o seu objetivo é evitar que mais dinheiro público seja desperdiçado em projetos inacabados; BRT Norte Sul é exemplo de estrutura que ficou pela metade: licitado em 2015, o BRT ficou parado durante todo o ano de 2017 por causa da burocracia

Em visita a Goiânia para acompanhar a obra do BRT Norte Sul e para anunciar a liberação de R$ 7 milhões para reparos emergenciais na marginal Botafogo, o ministro das Cidades, o goiano Alexandre Baldy, afirmou à TV Brasil Central que a sua prioridade na pasta é providenciar a retomada de obras paralisadas pelo Brasil afora; ministro diz que o seu objetivo é evitar que mais dinheiro público seja desperdiçado em projetos inacabados; BRT Norte Sul é exemplo de estrutura que ficou pela metade: licitado em 2015, o BRT ficou parado durante todo o ano de 2017 por causa da burocracia
Em visita a Goiânia para acompanhar a obra do BRT Norte Sul e para anunciar a liberação de R$ 7 milhões para reparos emergenciais na marginal Botafogo, o ministro das Cidades, o goiano Alexandre Baldy, afirmou à TV Brasil Central que a sua prioridade na pasta é providenciar a retomada de obras paralisadas pelo Brasil afora; ministro diz que o seu objetivo é evitar que mais dinheiro público seja desperdiçado em projetos inacabados; BRT Norte Sul é exemplo de estrutura que ficou pela metade: licitado em 2015, o BRT ficou parado durante todo o ano de 2017 por causa da burocracia (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Em visita a Goiânia para acompanhar a obra do BRT Norte Sul e para anunciar a liberação de R$ 7 milhões para reparos emergenciais na marginal Botafogo, o ministro das Cidades, o goiano Alexandre Baldy, afirmou à TV Brasil Central que a sua prioridade na pasta é providenciar a retomada de obras paralisadas pelo Brasil afora.

O ministro diz que o seu objetivo é evitar que mais dinheiro público seja desperdiçado em projetos inacabados. O BRT Norte Sul é exemplo de estrutura que ficou pela metade: licitado em 2015, o BRT ficou parado durante todo o ano de 2017 por causa da burocracia. Baldy montou uma força-tarefa que resolveu o problema. O ministro também anunciou há poucos dias a retomada de 80 mil projetos habitacionais abandonados desde 2014.

“A nossa prioridade é a retomada de obras, aproveitando com responsabilidade os recursos públicos. Garantimos ao prefeito Iris condições para que a obra seja feita com velocidade máxima e, se eventualmente, for preciso aumentar os repasses, a gente estará aberto a discutir esta possibilidade”, afirmou Baldy à TV Brasil Central, que transmitiu o evento ao vivo.

MARGINAL

Os R$ 7 milhões reservados para marginal Botafogo destinam-se a reparos emergenciais em 17 pontos da vida que estão em situação mais delicada. O prefeito Iris Rezende (MDB) agradeceu a “sensibilidade” de Baldy. “Se por um lado significa solução de de um problema que vem importunando a população, por outro significa também atenção que o governo federal dispensa à nossa cidade, administração”, disse.

No ano que vem, a prefeitura prevê a execução de uma obra maior de restauração da marginal Botafogo, também com recursos federais.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247