Bandidos explodem caixa de prefeitura

O caixa eletrônico que funcionava na sede da Prefeitura de Flexeiras foi explodido; primeiros levantamentos apontam a participação de cinco homens armados; o dinheiro foi levado; câmeras de monitoramento instaladas no prédio da sede municipal devem ajudar a identificar os criminosos

O caixa eletrônico que funcionava na sede da Prefeitura de Flexeiras foi explodido; primeiros levantamentos apontam a participação de cinco homens armados; o dinheiro foi levado; câmeras de monitoramento instaladas no prédio da sede municipal devem ajudar a identificar os criminosos
O caixa eletrônico que funcionava na sede da Prefeitura de Flexeiras foi explodido; primeiros levantamentos apontam a participação de cinco homens armados; o dinheiro foi levado; câmeras de monitoramento instaladas no prédio da sede municipal devem ajudar a identificar os criminosos (Foto: Voney Malta)

Alagoas247 - Um caixa eletrônico do Banco do Brasil situado na sede da Prefeitura Municipal de Flexeiras, no interior de Alagoas, foi explodido, na madrugada desta quarta-feira (11), por criminosos armados. O dinheiro que estava no equipamento foi levado. 

De acordo com as primeiras informações, a ação aconteceu por volta das 3h30, quando cerca de cinco homens, que estavam em um veículo Gol de cor preta, chegaram ao local, quebraram o cadeado que estava no portão da prefeitura e entraram no prédio. 

Para ter acesso ao dinheiro que estava no caixa eletrônico, eles utilizaram explosivos e, em seguida, fugiram do local. O barulho foi ouvido pelos moradores do entorno da prefeitura. Segundo a Polícia Civil, as câmeras de monitoramento instaladas no prédio da sede municipal vão ajudar a identificar os criminosos. 

Por conta da ação, parte da estrutura da prefeitura, que fica no Centro da cidade, foi danificada, mas o funcionamento da sede do Executivo municipal não deve ser afetado nesta quinta-feira.

A quantidade de dinheiro levada pelos bandidos não foi revelada. “Não sabemos a quantia que foi levada, mas acredito que tenha sido pouco dinheiro”, afirmou um dos agentes da Delegacia de Flexeiras.

Com gazetaweb.com

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247