Base aliada de 14 partidos lança Perillo à reeleição

Encontro do grupo governista neste sábado foi marcado pelo apelo de deputados, prefeitos e senadores para que tucano seja candidato novamente; Perillo não confirmou candidatura, mas disse que não vai fugir à luta e fez discurso duro contra a oposição; "Eu não tenho medo de cara feia, de dinheiro, dos poderosos. Sou homem de luta, já caí e me levantei. Os principais projetos deles são a crítica vazia e o desejo do poder pelo poder", afirmou o governador; ação de apoio a Perillo acontece no momento em que ele cresce nas pesquisas e oposição se aprofunda nas crises internas

perillo evento base
perillo evento base (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

José Barbacena, do Goiás247 - A base aliada de Marconi Perillo está atenta aos movimentos da oposição. E depois de Júnior Friboi, pelo PMDB, e Antônio Gomide, pelo PT, serem lançados à corrida pelo governo em 2014, neste sábado foi a vez de o grupo de Perillo, formado por 14 partidos, colocar de vez o tucano na reeleição.

“Eu não tenho medo de cara feia, de dinheiro, dos poderosos. Sou homem de luta, já caí e me levantei. Não tenho medo porque tenho vocês, a militância, do meu lado”, disse Marconi.

O governador não assumiu a candidatura, mas adotou um discurso pesado contra os rivais e deixou claro que será protagonista na briga pelo Palácio das Esmeraldas. A aclamação do governado aconteceu pela manhã no Encontrão da Base Aliada, no Tatersal do Parque de Exposições Agropecuária da Capital.

Assim que chegou ao local, por volta das 11h20, Perillo foi recebido por aplausos por cerca de 3 mil pessoas que estavam no local. Primeira grande liderança a discursa, a senadora Lúcia Vânia foi a responsável por lançar Perillo ao pleito de 2014.

Disse que a militância não aceitar que ele não seja candidato e criticou os adversários. “Você tem um exército de militantes com você, governador. “Nossos adversários pensam que podem nos derrotar, estão enganados. Temos propostas e trabalho”, afirmou a parlamentar.

O fogo dos governistas foi centrado na ausência de propostas da oposição, que segundo Perillo “quer apenas o poder pelo poder”. “Os principais projetos deles são a crítica vazia e o desejo do poder pelo poder. Eles não possuem propostas para o Estado, não ouvem o povo”, arrematou Marconi.

Emoção

O evento ganhou contornos de campanha assim que um vídeo mostrando a trajetória política de Perillo foi exibido no telão. Imagens do então jovem Marconi na campanha de 1998, misturadas com fotos do ex-governador Henrique Santillo (principal influência de Perillo) e mais imagens de obras da atual administração emocionaram o governador.
Sentado ao lado da senadora Lúcia Vânia, Marconi sacou um lenço do bolso e enxugou as lágrimas.

Estratégia

O lançamento velado de Perillo à reeleição acontece num momento em que o governador vive o ápice de uma agenda positiva iniciada no segundo semestre deste ano e oposição briga entre si para saber como vai se juntar para 2014.
Júnior Friboi atropelou a liderança de Iris Rezende e se fez pré-candidato oficial do PMDB. O PT não gostou da manobra e lançou o prefeito de Anápolis, Antônio Gomide. Friboi ficou assustado com o apetite petista e disse que se o PT bancar mesmo candidato ao governo, ele e seu grupo no PMDB vão tentar se aliar com DEM e PSB.

O PT ficou uma arara com o que chamou de “chantagem eleitoreira” de Friboi e reafirmou seu direito a postular a cabeça de chapa na aliança entre os dois partidos.

Do lado do governo, só há um candidato: Marconi Perillo. Duas pesquisas divulgadas nesta semana animaram ainda mais a base aliada. Na segunda-feira, levantamento do Instituto Fortiori publicado pelo jornal Diário da Manhã mostrou o governador na liderança em todos os cenários.

Os números do Ibope, divulgados ontem, revelaram crescimento de 8 pontos percentuais na avaliação do governador (de 21% para 29%) e no quesito maneira de administrar, Perillo obteve o mesmo índice da presidente Dilma Rousseff, 48%. Na confiança, o tucano superou a petista e ficou com 44%.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247