Campanha contra racismo e xenofobia ecoa em estádios alemães

Jornalista alemão Gerd Wenzel descreve em coluna na Deutsche Welle o posicionamento de torcedores alemães contra o racismo após episódios de insultos contra jogadores, incluindo imitações de macacos. Cartazes e gritos nos estádios dizem "Fora nazistas"

"Racismo mata. Todos e tudo contra o racismo", diz cartaz exibido por torcedores do Freiburg
"Racismo mata. Todos e tudo contra o racismo", diz cartaz exibido por torcedores do Freiburg
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Gerd Wenzel, na Deutsche Welle - No bucólico Estádio Floresta Negra, pouco antes do jogo contra o Fortuna Düsseldorf no último sábado (22/02), torcedores do Freiburg estenderam um gigantesco banner contra racismo e gritaram a plenos pulmões "Nazis raus" (Fora nazistas). Os dizeres da faixa não deixaram dúvidas sobre o teor da manifestação. Ali estava escrito com todas as letras: "Racismo mata. Todos e tudo contra o racismo."

Dois dias antes, por ocasião da partida entre Frankfurt e Salzburg pela Liga Europa, ao final do minuto de silêncio em homenagem às vítimas do atentado de Hanau, milhares de torcedores levantaram a voz e também clamaram por "Nazis raus". Esse grito se fez ouvir não apenas nos estádios, mas também em muitas cidades onde dezenas de milhares de cidadãos foram às ruas para se manifestar contra racismo e xenofobia.

Leia aqui a íntegra na DW.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247