Campos pede menos tributos sobre a água

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), propôs a isenção dos tributos PIS/Cofins às companhias estaduais de água como forma de recompor o caixa das concessionárias e assegurar recursos para novos investimentos nos sistemas de abastecimento;  aprposta foi feita durante reunião com a presidente Dilma Rousseff e os governadores do Nordsete, em Fortaleza; Com isso, Campos mantém a postura de apresentar propostas no campo econômico, reforçando o seu discurso como potencial candidato à Presidência em 2014

Campos pede menos tributos sobre a água
Campos pede menos tributos sobre a água
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PE247 – Durante encontro com os governadores do Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo, ao longo desta terça-feira (2), em Fortaleza (CE), onde a presidente Dilma Rousseff (PT) anunciou um pacote de R$ 9 bilhões para investimentos em medidas contra a seca, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), propôs a isenção dos tributos PIS/Cofins às companhias estaduais de água como forma de recompor o caixa das concessionárias e assegurar recursos para novos investimentos nos sistemas de abastecimento. Com isso, o pessebista mantém a postura de apresentar propostas no campo econômico e reforça o seu discurso como potencial candidato à Presidência em 2014.

 “Recentemente, seu governo anunciou desonerações da ordem de R$ 14 bilhões em favor das empresas distribuidoras de energia elétrica. Agora, é chegada a hora conceder benefício semelhante às nossas companhias de água, que estão sendo duramente castigadas pela estiagem”, disse Campos durante reunião do Conselho Deliberativo da Sudene.

Segundo o governador, a sua proposta faria com que as empresas tivessem receitas mais altas e, em consequência, investindo estes recursos em obras estruturais para amenizar os efeitos desta e das futuras estiagens. “A Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento), por exemplo, teria em caixa mais R$ 60 milhões por ano para recompor seu caixa e investir”,  afirmou.

A proposta de desoneração de PIS/Cofins apresentada por Campos conseguiu apoio dos governadores Wilson Martins (PSB-PI), Ricardo Coutinho (PSB-PB), Cid Gomes (PSB-CE) e Rosalba Ciarlini (DEM-RN). Curiosamente, esses gestores sugeriram a abertura de capital das empresas de saneamento e abastecimento por meio do programa Proinvest, do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Em tom de alerta, Campos afirmou, também, que a seca, tida como a maior dos últimos 50 anos da Região Nordeste, está afetando as zonas urbanas e ocasionando graves efeitos econômicos. “Só para dar exemplo, presidenta, cito o nosso polo de confecções do Agreste, que gera 80 mil empregos e está enfrentando dificuldades. Em parte porque não tem água em Santa Cruz do Capibaribe e Toritama para receber os visitantes. Em parte porque as lavanderias, essenciais à produção de jeans, também não têm a matéria prima para funcionar”, observou.

De acordo com informações do site do Governo Estadual, a presidente gostou da proposta referente à abertura de capitalização e quanto à desoneração do PIS/Cofins, a presidente teria se comprometido a analisar o pleito.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email