CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Geral

Campos pede mudança do "governo que está aí"

O governador de Pernambuco e presidenciável pelo PSB, Eduardo Campos, aumentou o tom das críticas feitas à administração da presidente Dilma Rousseff (PT) nas Redes Sociais; a partir de um vídeo postado pela equipe do PSB em sua página oficial no Facebook, o gestor reforçou a necessidade de um novo pacto político a ser feito no Brasil e pediu, literalmente, a saída da presidente Dilma Rousseff (PT) e do PT do comando do Executivo Federal; na filmagem, realizada durante o encontro programático feito pelo PSB em Porto Alegre, no último fim de semana, Campos aparece afirmando que a “nova política” somente poderá ser atingida “se mudar este governo que está aí”; a frase também foi destacada no Facebook

Imagem Thumbnail
O governador de Pernambuco e presidenciável pelo PSB, Eduardo Campos, aumentou o tom das críticas feitas à administração da presidente Dilma Rousseff (PT) nas Redes Sociais; a partir de um vídeo postado pela equipe do PSB em sua página oficial no Facebook, o gestor reforçou a necessidade de um novo pacto político a ser feito no Brasil e pediu, literalmente, a saída da presidente Dilma Rousseff (PT) e do PT do comando do Executivo Federal; na filmagem, realizada durante o encontro programático feito pelo PSB em Porto Alegre, no último fim de semana, Campos aparece afirmando que a “nova política” somente poderá ser atingida “se mudar este governo que está aí”; a frase também foi destacada no Facebook (Foto: Paulo Emílio)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Mariana Almeida, Pernambuco 247 - O governador de Pernambuco e presidenciável pelo PSB, Eduardo Campos, aumentou o tom das críticas feitas à administração da presidente Dilma Rousseff (PT) nas redes sociais. A partir de um vídeo postado pela equipe oficial do PSB no Facebook, o gestor reforçou a necessidade de um novo pacto político a ser feito no Brasil e pediu, literalmente, a saída da presidente Dilma Rousseff (PT) e do PT do comando do Executivo Federal. Na filmagem, realizada durante o encontro programático feito pelo PSB em Porto Alegre, no último fim de semana, Campos aparece afirmando que a “nova política” somente poderá ser atingida “se mudar este governo que está aí”.

Para o socialista, “é preciso aproximar o brasileiro do Estado, melhorar os serviços públicos e retomar o crescimento do País. E nada disso será conquistado trocando nomes ou desaforos”. A declaração se referiu ao texto “A Balada de Eduardo Campos”, postado pelo PT em janeiro, também no Facebook, onde Campos foi classificado como um “playboy mimado”. “O país pode retomar seu crescimento com uma nova política, construída efetivamente em torno de uma pauta definida por toda a sociedade. E esta nova política será atingida de uma única forma: mudando esse governo que está aí”, acrescentou o gestor.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Campos ainda afirmou que não adianta realizar o “debate de nomes”, mas sim o “debate de conteúdo”. A afirmação é direcionada a uma das maiores críticas realizadas pelo PT, que acusa o PSB de não dar créditos ao Governo Federal nas obras realizadas em Pernambuco.

O Governador ainda afirmou que a nova política “pode ter muita gente de idade, que já está há muito tempo na política”, em referência ao líder nacional do PPS e deputado federal, Roberto Freire, cuja legenda já confirmou apoio nacional ao PSB. Nos últimos meses, o Facebook vem sendo uma das principais ferramentas de comunicação da pré-candidatura de Campos, seja na divulgação de ideias ou nas críticas ao Governo Federal.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Assista abaixo o vídeo em questão.

Assista o vídeo colocado na página oficial do PSB no Facebook:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

 

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO