Cantareira deve fechar fevereiro com mais de 90% da capacidade

Principal reservatório de água que abastece a Grande São Paulo, o Sistema Cantareira registrava nesta segunda-feira 27 capacidade de 91,9%; no ano passado, nessa mesma data, o armazenamento era de 52,4%

O Governador Geraldo Alckmin aciono o sistema de bombas que dará início à captação de água da reserva técnica do Sistema Cantareira. Com o início da operação dos equipamentos, na represa Jaguari/Jacareí, as águas que estão abaixo do ponto de captação serã
O Governador Geraldo Alckmin aciono o sistema de bombas que dará início à captação de água da reserva técnica do Sistema Cantareira. Com o início da operação dos equipamentos, na represa Jaguari/Jacareí, as águas que estão abaixo do ponto de captação serã (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SP 247 - O Sistema Cantareira, principal reservatório que abastece a região metropolitana de São Paulo, deve fechar o mês de fevereiro com 90% de sua capacidade, mostram números divulgados em reportagem de José Roberto Gomes.

Nesta segunda-feira 27, o manancial registrou capacidade de 91,9%, volume 0,2 ponto porcentual maior que o registrado no domingo 26. Nessa mesma data do ano passado, em meio à maior crise hídrica de São Paulo, o armazenamento registrava uma diferença brutal: 52,4%.

O mês registrou até o momento 94,1 mm de chuva, volume que está abaixo da média histórica de 203,4 mm.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247