Cantareira deve fechar fevereiro com mais de 90% da capacidade

Principal reservatório de água que abastece a Grande São Paulo, o Sistema Cantareira registrava nesta segunda-feira 27 capacidade de 91,9%; no ano passado, nessa mesma data, o armazenamento era de 52,4%

O Governador Geraldo Alckmin aciono o sistema de bombas que dará início à captação de água da reserva técnica do Sistema Cantareira. Com o início da operação dos equipamentos, na represa Jaguari/Jacareí, as águas que estão abaixo do ponto de captação serã
O Governador Geraldo Alckmin aciono o sistema de bombas que dará início à captação de água da reserva técnica do Sistema Cantareira. Com o início da operação dos equipamentos, na represa Jaguari/Jacareí, as águas que estão abaixo do ponto de captação serã (Foto: Gisele Federicce)

SP 247 - O Sistema Cantareira, principal reservatório que abastece a região metropolitana de São Paulo, deve fechar o mês de fevereiro com 90% de sua capacidade, mostram números divulgados em reportagem de José Roberto Gomes.

Nesta segunda-feira 27, o manancial registrou capacidade de 91,9%, volume 0,2 ponto porcentual maior que o registrado no domingo 26. Nessa mesma data do ano passado, em meio à maior crise hídrica de São Paulo, o armazenamento registrava uma diferença brutal: 52,4%.

O mês registrou até o momento 94,1 mm de chuva, volume que está abaixo da média histórica de 203,4 mm.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247