Celpe devolveu R$ 9,6 mi aos clientes em 2011

Valor é referente às compensações financeiras provocadas por falhas no fornecimento de energia

Celpe devolveu R$ 9,6 mi aos clientes em 2011
Celpe devolveu R$ 9,6 mi aos clientes em 2011 (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Raphael Coutinho _PE247 – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) divulgou nesta segunda-feira (14) que as empresas fornecedoras de energia pagaram, em 2011, R$ 385,18 milhões em compensações financeiras aos clientes. O valor é referente aos problemas de fornecimento, como interrupções. A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), teve que restituir em R$ 9,6 milhões os seus clientes. Em 2010, o recurso pago (devolvido) aos consumidores foi de R$ 360,24 milhões.

Somente em compensações pelo descumprimento dos indicadores individuais de duração e frequência dos apagões, as empresas desembolsaram mais de R$ 103 milhões. Os dados foram consolidados pela agência reguladora a partir das informações encaminhadas por 61 concessionárias de distribuição do País.

A Região Sudeste concentrou o maior número de compensações e o maior valor pago, com 39,68 milhões de indenizações que custaram às empresas um total de R$ 128,82 milhões.

A Aneel estabelece os limites para os indicadores individuais de duração e frequência dos cortes de energia, divididos em períodos mensais, trimestrais e anuais. Quando esses limites são ultrapassados, a distribuidora deve compensar financeiramente o cliente. A compensação é automática e deve ser paga em até dois meses depois do mês em que houve a interrupção. As informações sobre os indicadores de continuidade são divulgadas na própria conta de energia.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247