‘Chance zero’, diz Wagner sobre candidatura ao governo da Bahia

"Chance zero", diz o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Jaques Wagner, sobre a possibilidade de ele ser candidato a governador em 2018; movimento 'volta Wagner', se existe por parte de alguém, não vai prosperar, segundo o presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação; além de negar qualquer possibilidade de o governador Rui Costa não ser candidato à reeleição, ele tem "certeza" de que a suposta movimentação foi "plantada" por alguém da base do prefeito ACM Neto; "Não existe nenhum entendimento dentro do PT nem dentro dos partidos aliados que não seja a candidatura de Rui Costa. Isso aí com certeza é coisa que alguém pensou enquanto passava na porta do Palácio Thomé de Souza (sede da prefeitura de Salvador). Isso deve ter partido do lado de lá", diz Everaldo

"Chance zero", diz o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Jaques Wagner, sobre a possibilidade de ele ser candidato a governador em 2018; movimento 'volta Wagner', se existe por parte de alguém, não vai prosperar, segundo o presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação; além de negar qualquer possibilidade de o governador Rui Costa não ser candidato à reeleição, ele tem "certeza" de que a suposta movimentação foi "plantada" por alguém da base do prefeito ACM Neto; "Não existe nenhum entendimento dentro do PT nem dentro dos partidos aliados que não seja a candidatura de Rui Costa. Isso aí com certeza é coisa que alguém pensou enquanto passava na porta do Palácio Thomé de Souza (sede da prefeitura de Salvador). Isso deve ter partido do lado de lá", diz Everaldo
"Chance zero", diz o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Jaques Wagner, sobre a possibilidade de ele ser candidato a governador em 2018; movimento 'volta Wagner', se existe por parte de alguém, não vai prosperar, segundo o presidente do PT na Bahia, Everaldo Anunciação; além de negar qualquer possibilidade de o governador Rui Costa não ser candidato à reeleição, ele tem "certeza" de que a suposta movimentação foi "plantada" por alguém da base do prefeito ACM Neto; "Não existe nenhum entendimento dentro do PT nem dentro dos partidos aliados que não seja a candidatura de Rui Costa. Isso aí com certeza é coisa que alguém pensou enquanto passava na porta do Palácio Thomé de Souza (sede da prefeitura de Salvador). Isso deve ter partido do lado de lá", diz Everaldo (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - "Chance zero", diz o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Jaques Wagner (PT), sobre a possibilidade de ele ser candidato a governador em 2018.

Movimento 'volta Wagner' ensaiou ganhar corpo no início da semana, sobretudo após declarações neste sentido por parte do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), deputado Ângelo Coronel (PSD), e de seu antecessor, deputado Marcelo Nilo (PSL). Mas os petistas garantem que não há fundamento sobre a suposta articulação, e que se ela existe por parte de alguém, não vai prosperar.

Além de negar qualquer possibilidade de o governador Rui Costa (PT) não ser candidato à reeleição, o presidente do Partido dos Trabalhadores na Bahia, Everaldo Anunciação, tem "certeza" de que a suposta movimentação foi "plantada" por alguém da base do prefeito ACM Neto (DEM), provável adversário de Rui na disputa pelo Palácio de Ondina em 2018.

"Não existe nenhum entendimento dentro do PT nem dentro dos partidos aliados que não seja a candidatura de Rui Costa. Essa é a única certeza que temos hoje sobre a composição de nossa chapa para o ano que vem. Isso aí ('volta Wagner') com certeza é coisa que alguém pensou enquanto passava na porta do Palácio Thomé de Souza (sede da prefeitura de Salvador). Isso deve ter partido do lado de lá", afirmou Everaldo Anunciação.

O líder da bancada do governo na Assembleia Legislativa, deputado Zé Neto (PT), garantiu que não tem chance de o suposto movimento prosperar.

"Isso é uma coisa sem sentido para nós. Os deputados Marcelo Nilo e Coronel falaram isso. A gente não sabe ao certo o entendimento deles, mas é natural que eles falem o que pensam. São dois líderes. Mas eu tenho certeza de que nada disso existe de fato. Rui Costa é o candidato, e Wagner inclusive é peça-chave nesse processo. Sua candidatura a senador vai ajudar muito a articulação de Rui. Essa é a missão do secretário Jaques Wagner, e sabemos que ele vai cumpri-la muito bem", argumentou Zé Neto.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247